Jundiaqui
Jundiaqui

Assombrações

Jundiaqui
27 de janeiro de 2019
Por Valquíria Malagoli

O avesso
da asa da mosca
tem uma renda rara
em que rendeira nenhuma
trabalhara

Cada círculo
bicolor em cada pétala
da orquídea altiva
a dar voltas contando-os
me motiva

O dedão
do meu pé conversa
com o dedinho embora
os separe um muro de dedos
e creio até... que namoram!

Coisas demais
e demasiadamente estranhas
hoje vi. Melhor dormir antes
que me assombre minha sombra
como se fosse eu gigante.

Valquíria Malagoli é poetisa
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Gabinete de Leitura vira modelo fotográfico aos 110 anos

“De olho no Ruy” é a exposição que Adriana Zutini estreia nesta segunda-feira

Natura se especializa em festas de aniversário

Na noite de quinta foi Bete Zambom quem festejou com seus amigos na lanchonete do Vianelo

Música no caminho das bikes em outubro

Foxconn cria programa para ciclistas curtirem um domingo diferente

A espada da Justiça

Guaraci Alvarenga avisa: a Justiça sem a balança não poderá decidir com sabedoria e sem a espada não terá força
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.