Jundiaqui
Jundiaqui

Maitê Proença explora os desejos femininos em Jundiaí

Jundiaqui
1 de agosto de 2018
Atriz vem com o monólogo "A Mulher de Bath", com exibições sábado e domingo

Maitê Proença se apresenta no Sesc com um monólogo baseado em texto do século 14 e com uma personagem com um discurso feminista muito verdadeiro e atual.

No palco, em "A Mulher de Bath", conto do britânico Geoffrey Chaucer, Maitê faz as vezes de Alice uma figura que condena o celibato e preza os prazeres femininos, já tendo passado por cinco matrimônios - com todos os maridos mortos - e na busca seu sexto (tanto que anuncia em determinado momento que "melhor o casamento do que queimar por dentro").

Ela vai narrando sua trajetória desde a adolescência e de que forma foi administrando seus prazeres e adquirindo poder e soberania dos maridos. O final traz uma história dos tempos do rei Arthur, quando um estuprador é condenado à morte, mas terá clemência da rainha caso complete uma viagem pelo mundo e compreenda as mulheres e seus desejos.

Maitê é acompanhada do músico Alessandro Persan, no canto do cenário.

As apresentações acontecem no sábado (4) às 19h e no domingo (5), às 18h. Ingressos: R$ 17,00 (inteira).

É na avenida Antonio Frederico Ozanan, 6.600, Jardim Botânico.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Antigo ou clássico?

Pelo chef Manuel Alves Filho

Governador não quis saber de assinar ofício do Grendacc

Verci Butalo bem que tentou fazer com que Alckmin engrossasse a lista de apoio ao Hospital da Criança

O dia que Jundiaí parou

Carros sem gasolina, escolas sem alunos, comércio sem consumidores… 

Coral Pio X traz sábado o pianista Fábio Luz

O concerto será em homenagem a Claude Debussy (1862-1918)
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.