Jundiaqui
Jundiaqui

Pintora com Síndrome de Down ensina arte de Romero Britto a colegas

Jundiaqui
6 de agosto de 2019
Quinta tem café da tarde especial na Bem-Te-Vi para apresentar o colorido dos quadros

Orientados pela colega de turma Nadieja Fernanda de Freitas, 30 anos, assistidos do Centro de Atendimento à Síndrome de Down Bem-Te-Vi Jundiaí criaram incríveis quadros com inspiração na obra de Romero Britto. Nesta quinta-feira (8), às 15 horas, eles se reúnem para a apresentação oficial dos trabalhos.

Nadieja faz aulas de pinturas já há quase quatro anos e o colorido de Romero  lhe conquistou o coração. E logo ela espalhou essa alegria aos amigos. No começo, ela conta que dava os quadros e hoje já os vende sob encomenda. Além de pintora, Nadieja participa do curso de fotografia "Bem-Te-Foto" e trabalha no Hospital Paulo Sacramento.

A ideia de levar arte à Bem-Te-Vi é uma forma de estimular a pessoa que tem síndrome de Down a criar uma identidade, de estimular sua autoestima com motivação e projeto de futuro.

Por que Romero Britto? Nadieja diz que as formas e cores desse brasileiro mestre da arte pop são "fascinantes". Nascido no Recife, Britto foi morar nos Estados Unidos e dali virou sucesso mundial. Foi nomeado Embaixador das Artes do Estado da Flórida e tem uma fundação com seu nome. Aqui, nomeia uma galeria em São Paulo. A cantora Madona tem obra de Britto, com cores vibrantes, formas geométricas e traços bem demarcados, que nos fazem lembrar dos vitrais - acima, um trabalho em fase de conclusão de aluno da Bem-Te-Vi e abaixo uma obra de Romero Britto.



Fotos: Edu Cerioni e Divulgação as de Romero Britto

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Paulista entre oito melhores; só dois sobem

  Sonho do torcedor é chegar na final da Segunda Divisão dia 3 de novembro

Amigos se reúnem em domingão de Copa

Ruas desertas na hora do jogo do Brasil, mas uma galera na Pirapora foi exceção barulhenta

Praxx, a certeza da escolha certa da Santa Angela na região

Construtora promove visitas às obras do empreendimento em Itatiba

Antes de tudo o amor

Eusébio dos Santos lembra da importância do 15 de junho para as pessoas idosas
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.