Jundiaqui
Jundiaqui

“Tudo vale a pena, quando a alma não é pequena”

Jundiaqui
13 de abril de 2019
JundiAqui te convida para um passeio pela exposição "Perambular", em cartaz no Sesc Jundiaí

Somos mais de 200 milhões falando o português no mundo e já são mais de 500 anos de história entre Portugal e o Brasil, embora resistam muitas características distintivas entre os dois povos. E a maneira pela qual grupos daqui e de lá expressam ideias, sentimentos e saberes é que norteia a mostra "Perambular".O que temos de diferente e em comum através da língua e dos costumes? Ao fazermos o exercício de olhar para quem somos, nossas percepções são diversas, diante da mescla de muitas outras culturas, que geram peculiaridades na língua, como sotaques, gírias e significados. Ao se deslumbrar com as diferenças e similaridades entre as terras brasileiras e portuguesas, a escritora, arte-educadora e atriz Selma Maria passou  a recolher e a reconhecer objetos diversos sobre a temática.

Acompanhada pelo escritor José Santos, em um processo de pesquisa de 10 anos e viagens que cruzaram o Atlântico, foi reunido um extenso material que busca dialogar, recordar e perambular por miudezas e as grandezas da cultura material e imaterial dos povos português e brasileiro.A mostra traz brinquedos, palavras e objetos em sua arquitetura lúdica que perambula entre o Brasil, Portugal e o Atlântico. E entre tudo isso, dezenas de poemas escritos por Selma e José Santos. Alguns inéditos, feitos especialmente para a exposição. A proposta de "Perambular" busca resgatar esse conhecimento cultural para as novas gerações.

Veja fotos: Fica em cartaz até 28 de julho. Terças a sextas, das 9h às 21h30. Sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h30. Grátis. Av. Antonio Frederico Ozanan, 6.600, Jardim Botânico.

Fotos: Edu Cerioni e José Arnaldo de Oliveira
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Troca de figurinhas? O Maxi bate um bolão

Mais colecionadores aproveitam o conforto e a segurança do shopping para encher seu álbum

Luiz Fernando e Alckmin curtem ‘por inteiro’ de bike viaduto das Valquírias

Parte final da obra é entregue com festa e presença do ex-governador, que iniciou os trabalhos anos atrás

“Sintaxe à Vontade” no pequeno sarau de Fernando Anitelli

Criador de O Teatro Mágico faz show acústico na noite de sábado em Jundiaí

Projeto Chuí: a vez de Tibagi

Por Eusébio Santos
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.