Jundiaqui
Jundiaqui

A voz libertadora no Sesc de negras com mais de 60 anos de idade

Jundiaqui
13 de maio de 2019
A quinta-feira é das Pastoras do Rosário à tarde e da triz Naná Sodré, à noite

"(Re)Existência do Povo Negro" é o projeto institucional do Sesc em maio, quando se comemorou dia 13 a abolição da escravatura. Com ações até dia 20 em Jundiaí, tem o ponto alto nesta quinta (16), com dois espetáculos gratuitos.

"O projeto ‘Do 13 a 20’ tem por intuito propor diálogos sobre a condição social da população negra, reconhecendo e fortalecendo suas lutas, conquistas, manifestações e realidades, bem como o fomento à equidade, convivência e reconstrução simbólica no campo individual e coletivo, colaborando para uma sociedade livre do racismo e de outras formas de dominação", explica Fabiano Maranhão, assistente da Gerência de Estudos e Programas Sociais do Sesc.

MÚSICA - "LIBERTADOR"

Sem o mínimo esforço, as Pastoras do Rosário nos cativam naturalmente por toda a força e beleza ancestral que possuem, mulheres sexagenárias e que trazem um desejo antigo de cantar e existir na essência, sendo protagonistas das suas histórias.

Elas cantam para manter viva a memória da Igreja do Rosário dos Homens Pretos da Penha de França, construída no Largo do Paissandú, em São Paulo, pela antiga Irmandade do Rosário dos Homens Pretos, descendentes africanos mantidos em regime de escravidão no século XVIII. No repertório destacam-se a influência das congadas, moçambiques e sambas de roda, compostos especialmente para elas.

Dia 16. Quinta, 16h
Área de Convivência | Livre | Grátis | 60 minutos.



ESPETÁCULO - "A RECEITA"

A atriz Naná Sodré descreve o universo de uma mulher num processo de libertação. Num acerto de contas, a anônima confessa como passou a maior parte do tempo temperando suas ilusões com sal, alho e coentro com cebolinha... até mesmo em momentos desatinados. O espetáculo funciona como um refletor que revela as situações vividas no ambiente domiciliar/social de várias mulheres negras pelo mundo a fora..

Dia 16. Quinta, 19h30
Teatro | 60 lugares | 16 | Grátis | Retirada de ingressos 1h antes, na Central de Atendimento | 60 minutos.

O Sesc Jundiaí fica na Av. Antonio Frederico Ozanan, 6.600, Jardim Botânico.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Um dia para a mata atlântica, nossa casa

Por José Arnaldo de Oliveira

A importância da interpretação

Pelo chef Manuel Alves Filho

Carla Candiotto vem dia 9 com “Casa de Brinquedos”, de Toquinho

Espetáculo dirigido pela jundiaiense será no Teatro Polytheama

“Jogos, trapaças e dois canos fumegantes”

Pelo Dr. Didi
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.