Jundiaqui
Jundiaqui

Atriz jundiaiense de “Assédio” conta que chorou e teve taquicardia

Jundiaqui
5 de novembro de 2018
Paula Possani faz o papel de uma das vítimas de estupro em série da Globo

Paula Possani deu uma entrevista para o "Notícias da TV", do site Uol, contando que passou mal por conta do trabalho em "Assédio", no qual é uma das vítimas do médico Roger Abdelmassih, que inspirou o texto da trama da Globo. "Meu coração disparou imediatamente. Aí eu fui estudar, ler na internet. Quando eu cheguei no depoimento da quinta vítima eu comecei a chorar, tamanho era a força e o impacto daquilo que eu estava lendo. Impossível não ser tocado por aquilo. E como atriz, você tem que permitir se tocar pelo universo da personagem", diz.

Depois de aprovada e com os textos de sua personagem em mãos, o corpo de Paula voltou a apresentar reações involuntárias, provocadas pelo roteiro de Assédio. "Esse universo é muito dolorido. Comecei a sentir medo de andar na rua e fazer pequenas tarefas do meu dia a dia. Senti que tinha um grau a mais de medo e atenção em mim. Mas, para dar conta do trabalho, você é obrigado a desenvolver estratégias para entrar e sair desse universo sem se machucar demais".

Paula Possani faz o papel de Eugênia, a protagonista do segundo episódio de "Assédio", que por enquanto está disponível apenas para assinantes do Globoplay.

Leia também:

“Assédio” estreia com a jundiaiense Paula Possani

Paula Possani: jundiaiense inaugura nova plataforma da Globo em 2018
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Faça 48 visitas a empresas em uma única tarde

ACE abre inscrições para rodada de negócios dentro da Feiccad, dia 21

Nem o mar se salva

Por José Renato Nalini

12ª Parada do Orgulho LGBT de Jundiaí

Por Kelly Galbieri

Passa-se o ponto

Por Valquíria Malagoli
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.