Jundiaqui
Jundiaqui

Coral do 28 de Setembro dá show de MPB e canções africanas

Jundiaqui
20 de dezembro de 2017
Regente é Mil Taroba, cantor e professor de música, com ensaios todas as quintas

Criado em 1897 pelos mesmos movimentos que lutavam pela abolição da escravatura no país, o Clube 28 de Setembro celebra a alegria por meio da música. Clube negro mais antigo em atividade no Estado de São Paulo, há três anos mantém um coral sob a regência de Mil Taroba.

Com ensaio todas as quintas-feiras, a partir das 19h30, tem no repertório músicas tradicionais africanas, com destaque para  "Nkosi Sikelel'iAfrika", e também clássicos da MPB de Milton Nascimento, Dorival Caymmi, Baden Powell e outros.

Taroba diz que qualquer pessoa, mesmo não sendo associado do 28, pode se inscrever gratuitamente no coral. Para 2018, o plano é formar uma turma infantil também.



"O Coral do 28 de Setembro reforça a presença da cultura afro-brasileira em Jundiaí do nosso clube", diz.

Fica na rua Petronilha Antunes, 363, ao lado da Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, na praça da Bandeira.

Aqui, fotos da festa de confraternização de fim ano, no Koh Samui...



Fotos: Edu Cerioni
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Jundiaí amplia seu Carnaval de rua, apesar de tudo

Por José Arnaldo de Oliveira

Ligabó aponta urgência de prontuários eletrônicos em UBSs

Médico e vereador concluiu a primeira parte do mapeamento das Unidades Básicas de Saúde de Jundiaí

Flechadas

Por Vera Vaia

FMJ em 9º entre 29 faculdades de Medicina de São Paulo

É o que aponta o Enade 2016; nota da Turma 43 foi de 3,09
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.