Jundiaqui
Jundiaqui

Festa do Celmi: alegria contagiante e que coloca todo mundo na dança

Jundiaqui
9 de novembro de 2019
JundiAqui vem com mais de 300 fotos de uma tarde em que imperou o prazer em ser feliz

Edu Cerioni

Com mais de 350 pessoas, em uma tarde quente de chuvinha lá fora, dentro do Casa Cica Bar e Cozinha imperou a alegria. Especialmente das mulheres, mais de 90% de todos os presentes nesta sexta-feira (8). E elas dançaram, cantaram alto, se divertiram muito ao som de A Kripta. Que show foi esse!

Como todas se conhecem, porque são alunas do Celmi, ninguém se intimidou de entrar no meio da roda pra dançar quando Dalmo, Edu e Paulo fizeram o maior Carnaval. Foi um desfile de sambas conhecidos e que transformou o restaurante em um sambódromo. E dá-lhe risos! E dá-lhe abraços!

O trio também voltou aos tempos de discoteca e no final se emocionou junto com o público, especialmente Dalmo, ao embalar um "como é lindo meu amor por você", em homenagem ao fotógrafo Julio Montheiro.

O que era para ser duas horas de show correu... e passou de três, em certo momento com as alunas do Celmi cantando em coro e com a banda apenas no instrumental.

É difícil traduzir em palavras o que foi esse encontro do Celmi, que as fotos contam um pouco...



Fotos: Edu Cerioni

Leia mais

 

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

No esquenta do Carne com Queijo, que vai às ruas no sábado

Bloco fez um ensaio aberto com seus batuqueiros na 9 de Julho. Desfile é na Vila Progresso pela manhã

A hora e a vez da população T

Por Kelly Galbieri

DIA DA MULHER \ Vera Vendramin: do campo viestes, no campo vencerás

Junto com a irmã Sandra, mantém o sítio da família ativo e cheio de atrativos nas rotas da Uva e do Vinho

Ações em nome do nosso patrimônio

Tem limpeza da Estaçãozinha e visitas guiadas ao cemitério e a “territórios negros” que resistem no Centro
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.