Jundiaqui
Jundiaqui

O real Corinthians

Jundiaqui
19 de outubro de 2017
Por Marcel Capretz

Para se chegar a um resultado no futebol é necessária a composição de uma serie de fatores. Internos e externos. O produto final dentro de campo é a última ponta resultante de vários setores trabalhando. Um clube de futebol é algo muito complexo. Existe a parte política, a administrativa, os inúmeros departamentos interagindo, como psicologia, assistência social, análise de desempenho, nutrição, medicina, logística, rouparia, etc e etc.

É um erro pegar uma folha de papel com os nomes dos jogadores de determinado elenco e já crava-lo ou como vencedor ou como derrotado. Por conta de tudo que já citei: muitas vezes não vai ganhar quem tem teoricamente o melhor elenco. Vai ganhar o clube que como um todo trabalhar melhor. E veja que também não falo de dinheiro. Ou alguém duvida que atualmente a situação financeira do Palmeiras é melhor do que a do Corinthians? E, apesar disso, quem terá um 2017 mais vitorioso?

É bom contextualizar tudo isso para dar muitos méritos ao trabalho do Corinthians neste ano. A diretoria acertou "errando". Isso porque não havia convicção alguma na escolha de Fábio Carille como treinador em janeiro. Mas a instituição como um todo trabalhou bem demais. Ninguém consegue fazer um primeiro turno de Brasileirão como o Timão fez se a "casa" não está em ordem.

Não vou negar que eu esperava uma evolução no time no segundo turno. A equipe de Carille se concentrou em fazer bem o que já vinha funcionando. Só que os adversários aprenderam a neutralizar isso. E eu esperava, portanto, uma evolução no modelo de jogo que acabou não vindo. Mas isso em nada tira o brilho de todo o trabalho. De maneira convincente, merecida e, para muitos, surpreendente, o Corinthians será o campeão brasileiro.

Marcel Capretz é jornalista esportivo
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Inverno combina com fondue e vinho no Casa Cica

Essa delícia é servida todas as noites e com desconto às quintas-feiras 

O real Corinthians

Por Marcel Capretz

SuperAR Turma da Mônica desembarca no Maxi Shopping

Atividades divertidas de obstáculos infláveis vão agitar o centro de compras

Minha morada, minha identidade

Por Wagner Ligabó
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.