Jundiaqui
Jundiaqui

Jundiaí lança Rota do Vinho nesta sexta, com 21 adegas

Jundiaqui
27 de fevereiro de 2018
Bebida é produzida aqui há mais de um século e ideia é espalhar esse sabor para todo o mundo

Pensou em uva, pensou em Jundiaí! Pensou em vinho, pensou em... Jundiaí? Não, São Roque é a cidade relacionada a essa bebida. Mas as adegas da Terra da Uva querem virar esse jogo. Para tanto 21 delas se unem na chamada Rota do Vinho, com lançamento nesta sexta-feira (2), às 19 horas, no Teatro do Sesc.



A Unidade de Agronegócios, Abastecimento e Turismo é que coordena o lançamento, que será feito pelo gestor Eduardo Alvarez.

"A ideia é que Jundiaí se posicione no cenário do vinho como um interessante destino. Temos bons vinhos produzidos aqui e isso há 120 anos, mas somos pouco conhecidos nesse mercado", conta Marcela Moro, diretora de Turismo da Prefeitura de Jundiaí.

Marcela lembra que a cidade tem diferentes tipos de vinho, os finos, os de mesa, os refrescantes... São 21 adegas sediadas em pequenas propriedades rurais e que agora vão ganhar um site exclusivo e também ações marketing.



Há registros de presença de uva e vinho por aqui desde a colonização portuguesa no século 17, intensificada e que tornou-se mais ampla e comercial com a chegada dos imigrantes italianos no final do século 19.

O vinho já ganhou espaço dentro da Festa da Uva, com a sexta Expo Vinhos agora em 2018, quando a uva festejou sua 35ª edição.

Nosso vinho teve grande destaque quando o Maziero foi um dos servidos durante a visita dos últimos papas ao Brasil, Bento XVI e Francisco. Temos ainda adegas como Beraldo Di Cale, Brunholi, Castanho, Fontebasso, Juca Galvão, Leoni, Marquesin, Martins, Mingotti, Negrini, Santa Cecília (foto mais ao alto), Sibinel (foto abaixo) e Vendramin, entre outras.



Assim como a produção das uvas Niagara rosada e branca teve na mudança do cultivo em espaldeira para o cultivo em “Y” com o passar do tempo, também a produção dos vinhos da agricultura familiar teve inovações. Uma das última e muito comemorada foi a aquisição do caminhão envasador, equipamento que promove o engarrafamento para os vinhos produzidos em tonéis em cada adega - processo que começa pela filtragem e que depois do envasamento vem com o fechamento por rolha e a cápsula, uma espécie de lacre.

A variedade aqui vai de vinhos tintos, brancos, roses, secos, suaves a frisantes que usam uvas Niagara ou ainda Isabel, Bordô, Moscatel e diversas outras.

O Sesc fica na avenida Antonio Frederico Ozanan, 6.600, Jardim Botânico.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Oficina Padovani te leva para 1952

Visitar seu Antonio é fazer uma volta ao passado, com direito a muitas fotos e objetos que resistem ao tempo

Música irreverente e que te abraça

Por José Renato Forner

Em terra de italianos, vale até pizza de chocolate

Criançada se diverte nesta Páscoa com atração gratuita no JundiaíShopping

JundiAqui conquista prêmio como o melhor site de 2017

Edu Cerioni festeja, diz que é resultado de muito trabalho e divide com os leitores o reconhecimento
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.