Jundiaqui
Jundiaqui

Certificado de vacinação da febre amarela só para quem vai voar

Jundiaqui
1 de fevereiro de 2018
A partir de segunda nas UBSs do Centro e Anhangabaú só mostrando passagem aérea para pegar documento

Tem muita gente procurando as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) para retirar o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP) contra febre amarela, o que gera problemas. Assim, a ordem agora é que só poderão pegar o registro aqueles que apresentarem comprovação da viagem internacional - e isso para países que exigem o documento.

A medida tem por objetivo não comprometer o atendimento das demandas diárias dos usuários dos serviços essenciais de saúde.

Na última semana, as UBSs emitiram 200 comprovantes internacionais por dia - ante cerca de 70 como vinha ocorrendo no final do ano passado.

A exigência do certificado internacional só é necessária em caso de viagens para países com essa restrição - veja quais são. Viagens pelo Brasil não demandam esse tipo certificação. 

A emissão da certificação pode ser realizada nas UBSs Anhangabaú e Centro, a partir da apresentação de carteira de vacinação, comprovante de residência, RG, CPF, passaporte e comprovante de viagem.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Roca faz 100 anos e ganha selo postal em Jundiaí

Ela já foi Porcelana Rami, Cidamar e Incepa antes de ser adquirida pelo grupo espanhol

Ateliê Christiane Grigoletto: portas abertas ao novo

Artista plástica convida o público a conhecer seu novo trabalho neste sábado

Solidão: desafio da longevidade

Karina de Lima Flauzino

Nazismo reciclado na telona do Moviecom Arte

“Bye Bye Alemanha” traz trapalhadas de um grupo de judeus depois da Segunda Guerra
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.