Jundiaqui
Jundiaqui

Exposição de Presépios: dona Nina e seu Laércio são homenageados

Jundiaqui
16 de dezembro de 2018
Na reabertura do Solar do Barão, Jundiaí festeja os dois expositores que ajudaram a criar essa tradição

A Exposição de Presépios de Jundiaí conta novamente agora em 2018 com o trabalho de Idalina Periotto Cerioni, a dona Nina, de 95 anos de idade e que participa desde a criação da mostra em 1978, e também de Laércio Tetto, outro veterano dessa arte. Os dois foram homengeados na sexta-feira (14), aniversário da cidade e que marcou a abertura da mostra no agora restaurado Museu Solar do Barão.

Dona Nina usa fantoches com cabeça de madeira e roupas coloridas e alegres. As peças têm um século e meio desde que foram trazidas da Europa por familiares da expositora. Alguns "bonecos" estão bem desgastados pelo tempo, mas ainda assim atraem as atenções dos visitantes todos os anos simplesmente porque são diferentes de tudo o que tem na exposição.

Laércio Tetto apresenta um presépio inspirado nas fazendas de sua infância. O nascimento do menino Jesus traz Maria e José e os três reis magos em meio a um cenário rural e com movimento de animais e personagens por conta do uso de energia e engrenagens.

Juntos, dona Nina e seu Laércio encantam crianças e adultos com seus presépios e ajudam a resgatar o espírito de fé nas pessoas nesta época tão importante para todos os cristãos.

REABERTURA

A noite do aniversário de 363 anos de Jundiaí contou com a reabertura do Museu Histórico e Cultural de Jundiaí, o Solar do Barão, que estava fechado preventivamente desde maio deste ano para uma reforma que contemplou seu sistema elétrico, iluminação, pavimento e telhado.

O Coral Astra se apresentou na noite de abertura, assim como o trio Bemtivi. Também receberam homenagens as irmãs Ivone e Jacira, da Associação das Irmãs São Vicente Paulo Gysegem, proprietária do imóvel.

Veja fotos:



Fotos: Edu Cerioni
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Oração aos conservadores

Por José Renato Forner

Sol, calor e aquele banho de alegria no desfile do Kekerê

Caiu uma chuvarada no meio da tarde que encharcou foliões na Ferroviários

Diário de bordo parte 1

Como um museu pode mudar radicalmente uma cidade, conta Cláudia Bergamasco

Tem festa de aniversário da Banda São João Batista

Os 61 anos vão ser comemorados na noite deste sábado no Teatro Polytheama
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.