Jundiaqui
Jundiaqui

Faouaz Taha será 30º a assumir presidência da Câmara Municipal

Jundiaqui
1 de janeiro de 2019
Vereador mantém os tucanos no poder, sequência que só foi quebrada uma única vez nos últimos vinte anos

Sai Gustavo Martinelli e assume Faouaz Taha a cadeira de presidente da Câmara Municipal de Jundiaí a partir de 2019 (o ano legislativo começa em 1º de fevereiro) e até final de 2020.

Professor de Educação Física que comandou o Centro Esportivo Antonio Ovídeo Bueno e dono de comérico no Centro, aos 30 anos de idade ele é o trigésimo nome na lista da presidência, história que começou com Amadeu Ribeiro Junior em 1948 e que até hoje só teve uma mulher, Ana Vicentina Tonelli.

Taha mantém a domínio do PSDB no comando da Casa de Leis: o partido foi criado aqui em 1989 e teve seus primeiros quatro vereadores eleitos em 1993. Os tucanos chegaram em 1997 à presidência com Oraci Gottardo e até hoje só deixaram a cadeira escapar um vez, entre 2013-2014, com o então petista Gerson Sartori.

O novo presidente foi candidato a vereador sem conseguir a vaga em 2012 (teve 1.103 votos pelo DEM) e se elegeu em 2016, já pelo PSDB, com 1.568 votos - foi o décimo nono entre os 19 eleitos.

Já ocuparam o cargo de vereador em Jundiaí mais de 200 pessoas, algumas reeleitas seguidamente, como no caso do já falecido Doca (Antonio Carlos Pereira Neto), o recordista com nove mandatos, que também foi presidente da Câmara.

 

Taha obteve 16 votos de um total de 19, sendo que Romildo Antônio da Silva (PR) recebeu três votos.

Eis o que Taha aprovou nos dois últimos anos:

Projeto de lei 12.450/2018

Prevê disponibilização, no site da Prefeitura de Jundiaí, de ferramenta de consulta dos contribuintes à sua situação fiscal. O texto foi aprovado, por 12 votos favoráveis, em sessão do dia 02/10/2018.

Projeto de Lei 12.534/2018

Altera a Lei 5.563/2000, que criou o Perímetro Escolar, para ampliar o rol de vedações à instalação de estabelecimentos comerciais na área e fixar sanções. O texto foi aprovado, por 16 votos favoráveis, em sessão do dia 14/08/2018.

Projeto de Lei 12.329/2017

Veda fogos de artifício no Território de Gestão da Serra do Japi. O texto foi aprovado, por 17 votos favoráveis, em sessão do dia 29/05/2018.

Projeto de Lei 12.474/2017

Institui e inclui no Calendário Municipal de Eventos a “Corrida AT Run – Para que os Surdos Falem” (último domingo de setembro). O texto foi aprovado, por 13 votos favoráveis, em sessão do dia 24/04/2018.

Projeto de Lei 12.336/2017

Regula a exposição de produtos alimentícios ultraprocessados em estabelecimentos comerciais e dá providência correlata. O texto foi aprovado, por 14 votos favoráveis, em sessão do dia 10/04/2018. O projeto, porém, foi vetado pelo Executivo e, em sessão do dia 15/05/2018, o veto foi mantido pelos vereadores.

Projeto de Lei 12.364/2017

Prevê corpos artísticos estáveis do município. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 27/02/2018.

Projeto de Lei 12.270/2017

Autoriza cobrança, de concessionárias de estradas e rodovias, de despesas médicas e hospitalares em razão de atendimento às pessoas removidas nas situações que especifica; e dá providências correlatas. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 10/10/2017. O projeto, porém, foi vetado pelo Executivo, mas em sessão do dia 21/11/2017, o veto foi derrubado.

Projeto de Lei 12.366/2017

Altera a Lei 8.527/2015, que permite manifestações culturais de rua nos locais e condições que especifica, para excluir de sua incidência os artesãos e reformular a permissão de comercialização de bens. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 17/10/2017.

Projeto de Lei 12.346/2017

Institui o Programa de Incentivo à Aprendizagem e Prática de Jogos de Tabuleiro por Crianças e Idosos. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 07/11/2017.

Projeto de Lei 12.355/2017

Institui a ‘Campanha de Valorização à Vida e Prevenção ao Suicídio’. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 03/10/2017.

Projeto de Lei 12.279/2017

Veda, em área situada no Bairro Aeroporto, entre a Avenida Antonio Pincinato e a Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, pelo prazo que especifica, procedimentos administrativos para fins imobiliários e correlatos. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 08/08/2017.

Projeto de Lei 12.267/2017

Institui e inclui no Calendário Municipal de Eventos o ‘Dia Municipal de Prevenção ao Suicídio’ (10 de setembro). O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão do dia 27/06/2017.

Projeto de Lei 12.242/2017

Veda fogos de artifício e artefatos pirotécnicos de efeito sonoro. O texto foi rejeitado, por 12 votos contrários e 5 favoráveis, em sessão do dia 20/06/2017.

Proposta de Emenda à Lei Orgânica 126/2017

Prevê, à Guarda Municipal, realização de ações de segurança junto a escolas.
O texto foi aprovado, por unanimidade em primeiro e segundo turno, em sessões ordinárias dos dias 14/03/2017 e 18/04/2017. A norma foi promulgada como Emenda à Lei Orgânica 69/2017 no dia 19/04/2017.

Projeto de Lei Complementar 1.013/2017

Altera o Código de Obras e Edificações, para prever, nas edificações de uso público destinadas a permanência e circulação de pessoas, instalações adaptadas às pessoas ostomizadas. O texto foi aprovado, por unanimidade, em sessão ordinária do dia 21/02/2017.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Thiago Batista de Olim é o campeão do Bolão da Copa do JundiAqui

Desde o terceiro dia de Mundial ele assumiu a dianteira e confirmou vitória nesta terça; dia 17 recebe o troféu no Casa Cica 

Soninha Vargas festeja sua nova Moda Rio

Loja de Louveira é inaugurada com muita gente de Jundiaí na noite desta sexta

Juliana Galdino dá vida nos palcos a “Frankenstein” de Sérgio Roveri

Ela começou no teatro em Jundiaí, onde o dramaturgo nasceu. Agora estão juntos em São Paulo

Roberto Zambelli: a música era sua vida

Por Guaraci Alvarenga
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.