Jundiaqui
Jundiaqui

FMJ chega aos 50 anos com 2.581 médicos formados

Jundiaqui
10 de março de 2018
São 120 alunos por turma agora, sendo 30 por vaga; mensalidade é de R$ 5,6 mil

A Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ) festeja nesta segunda-feira (12) seus 50 anos de fundação. A primeira turma formada foi em 1974. Agora já totalizam 43 e 2.581 médicos graduados.

Com 135 professores - 84% titulados com livre-docência, doutorado ou mestrado - e outros 100 professores colaboradores voluntários, a FMJ teve cerca de 30 candidatos por vaga no último vestibular. São 120 os selecionados por ano.



Fundada em 1968, deu início a seu curso de Medicina apenas um ano depois de sua criação, e foi somente em 1973 que teve o reconhecimento pelo Ministério da Educação (MEC).

A partir de 1984, viveu a ameaça de fechamento, o que mobilizou a cidade contra o governo de André Benassi, que chegou a aprovar um projeto de extinção progressiva da FMJ na Câmara Municipal - cada vereador que votava sim recebia uma chuva de moedas por parte de alunos que lotaram o plenário. Foram anos complicados, com troca de diretores interinos e manobras para trazer alunos para o primeiro ano e manter as portas abertas, como ocorre até hoje.

No ano passado, recebeu o certificado de "Escola Médica Acreditada", por meio do sistema federal de avaliação. Além disso, foi aprovada em todas as edições do Exame Nacional de Desempenho do Estudante, o Enade.

Pelo RUF (Ranking Universitário do jornal "Folha de São Paulo"), a FMJ é a 96ª melhor faculdade de Medicina do país - leva em conta públicas e privadas, a partir de cinco indicadores: pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e mercado.



A diretoria é composta pelos professores dr. Edmir Américo Lourenço (foto do alto), diretor, e dra. Celia Campanaro, vice-diretora. Será celebrada missa com o bispo Dom Vicente Costa, às 8h30 para celebrar os 50 anos de FMJ.

 

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

108

Por Carlos Pasqualin

Bolo, tradição e escolha

Pelo chef Manuel Alves Filho

Sábado tem Festa Junina da La Bella Arte, que beleza

Vai ser na sede do Clube do Carro Antigo de Jundiaí, a partir das 15 horas e com dança da quadrilha

Creches têm agendamento on-line, mas fila segue com mais de 2,4 mil

É para pais de crianças de quatro meses a três anos de idade
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.