Jundiaqui
Jundiaqui

Nosso primeiro arranha-céu agora é um setentão

Jundiaqui
2 de janeiro de 2020
Foi em 1950 que o Edifício Carderelli, no Centro, teve sua inauguração

Hoje nossa cidade conta com prédio de 140 metros de altura, como é o caso do The One Office Tower, mas essa história começou mais acanhada há setenta anos. Foi em 1950 que aconteceu a inauguração do Edifício Carderelli, com seus quatro andares, algo de pouco mais de 15 metros, mas suficientes para lhe darem o título de primeiro arranha-céu de Jundiaí.

A construção começou em 1948, projeto do arquiteto Vasco Antonio Venchiarutti, com a participação de Giácomo Venchiarutti e Odil Campos Saes. O dono era Nicolau Carderelli.

Começou com uso residencial nos andares superiores e um espaço comercial no térreo, ocupado primeiramente pela Casa Independência, que vendia tecidos e artigos de costura. Hoje abriga escritórios e consultórios médicos nos andares superiores e no térreo a loja de calçados A Passarella, com entrada pela rua Barão de Jundiaí em frente ao Museu Solar do Barão e pela praça Governador Pedro de Toledo.

Tem grau de proteção pelo Conselho Municipal de Patrimônio Histórico. Sua estrutura é de concreto armado, laje de concreto, com paredes de alvenaria, revestimento externo de patilha cerâmica e esquadrias externas em ferro e vidro.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Robin Hood, Hamlet e Anna Frank no palco do Polytheama

Diferentes companhias teatrais vêm a Jundiaí até 21 de setembro, tudo de graça

Re-soluções

Poer Valquíria Malagoli

A floresta no Centro de Jundiaí

Por José Arnaldo de Oliveira

“Parada da Uva” espalha alegria pelo parque

O domingo vem recheado de atrações, como Funk1s Natra, Salada Russa, Sigla etc
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.