Jundiaqui
Jundiaqui

Renê Tomasetto relembra luta por reconhecimento do nosso vinho

Jundiaqui
2 de março de 2018
Presidente da Associação Agrícola de Jundiaí diz que Rota do Vinho é antigo sonho

Edu Cerioni

Que Renê José Tomasetto é emotivo, isso está na cara italiana de gente boa do presidente da Associação Agrícola de Jundiaí, feliz da vida agora com o lançamento na noite desta sexta-feira (2) da Rota do Vinho. "É um sonho antigo se realizando", diz. "E quanta luta para chegarmos aqui".

Renê lembra que foram anos de trabalho até que nosso vinho artesanal pudesse competir com o de outras regiões. "Nosso vinho de mesa não perde em nada para o de São Roque ou o do Sul, por exemplo, e com a criação da Rota do Vinho vamos mostrar isso ao Brasil todo. A Terra da Uva também pode ser do vinho".

A Associação Agrícola, segundo seu presidente, patrocinou a ida de produtores daqui para Bento Gonçalves durante os últimos anos para troca de experiências e aprimoramento da nossa bebida. Também apoiou a realização de seminários e cursos, entre outras ações.

"Antes, havia pressão para que não fizéssemos vinho, a legislação não permitia. Daí batemos na tecla: se no Sul pode e estamos no mesmo país, também temos direito e hoje podemos comemorar a ótima qualidade de nossos vinhos", diz.

Pesquisas com experts no assunto mostram bons resultados, segundo conta Renê: em degustações feitas em universidades em Campinas e São Carlos, os vinhos de Jundiaí tiveram boa pontuação no quesito paladar em meio até a alguns importados.

Renê cita como fundamentais nesse processo de valorização do vinho feito em Jundiaí figuras como o padre Joãozinho, da Igreja do Caxambu, criador da Festa do Vinho, assim como o engenheiro agrônomo Afonso Peche Filho, o empresário Humberto Cereser, o fiscal do Ministério da Agricultura Isler e também o atual gestor de Agronegócios, Eduardo Alvarez, que comandou a Etec Benedito Storani, nosso popular Colégio Agrícola. Além deles, ele cita o atual prefeito de São Roque, Cláudio Góes.

"Cada um a sua maneira deu um empurrão ao produtor. O Cereser foi mostrando que o vinho artesanal está na história de sucesso de sua família, o Isler muitas vezes incentivando ao invés de punir e o Eduardo por apontar caminhos". Sobre Góes, se emociona ao recordar: "Teve um encontro nacional para tratar do vinho, com apoio da Fiesp e os grandes sentados à mesa. E não é que o Góes chamou a AVA (Cooperativa Agrícola dos Produtores de Vinho Artesanal de Jundiaí) para junto deles. Era o pessoal de terno da pirâmide da avenida Paulista junto com os caipiras".

Outros momentos interessantes que Renê destaca foram nas passagens dos últimos papas ao Brasil, Bento 16 e Francisco, que tiveram vinho do Mazziero em suas festas de recepções em Aparecida.

Ele fala ainda sobre a nova safra de produtor, uma geração jovem que tem mentalidade empresarial e que estudou e aposta nas novas tecnologias, ou seja, herdou o amor pela uva e pelo vinho de pais e avós, mas sabe que é preciso evoluir se quiser ganhar mercado e, consequentemente, gerar negócios.

Às vésperas de ser reeleito para mais dois anos à frente da Associação Agrícola, entidade com mais de sete décadas de atuação, Renê mostra em números a importância da uva (e por tabela do vinho) para Jundiaí: é a aposta de metade dos cerca de 700 produtores rurais da cidade - outros 50% lidam com ponkan, caqui, pêssego, lichia, atemóia e pitaya, entre outros.

Leia também:

Jundiaí lança Rota do Vinho nesta sexta, com 21 adegas

Agricultores são garantia da qualidade de vida na cidade, diz Renê Tomasetto
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Três no Choro dá show nesta noite de quinta no Koh Samui

“Música do Chef” tem como convidados Cassio Soares, Araê Souza e Fábio Floriano

Bom ano a todos

Por Eusébio dos Santos

Dia 3 de outubro tem aniversário de 3 anos do JundiAqui

Festa vai ser no Casa Cica Bar e Cozinha com som do Trio em Transe

TVTEC abre inscrição para 60 vagas em três cursos na segunda

As ofertas são para formar assistentes de produção e editor de vídeos para redes sociais
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.