Jundiaqui
Jundiaqui

sem rumo

Jundiaqui
24 de julho de 2017
Por José Renato Forner

meu país é um menor abandonado
um menino descalço e sem camisa
meu país é um pivete de canivete em punho e olhar perdido
meu país dorme saciado de cola
corpo magro em banco esplêndido
meu país é uma antiga praça da sé esperando a chacina
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Depois do tornado, volta a memória

José Arnaldo de Oliveira escreve sobre Jarinu, que recupera sua praça e faz exposição na estação de trem

Cadê o futebol ofensivo brasileiro?!

Por Marcel Capretz

Rock perde Miranda, parceiro de jundiaiense no “Banguela Records”

Produtor musical morre aos 56 anos; ganhou fama como jurado de “Ídolos”, no SBT

Crônica da Cozinha – Nada é o que parece ser

Por Manuel Alves Filho
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.