Jundiaqui
Jundiaqui

Luana nos leva ao Marrocos junto com o filho e ator Gianlucca Mauad

Jundiaqui
6 de junho de 2019
Os dois acabam de voltar de viagem; o menino foi gravar cenas para a novela "Jezabel"

Edu Cerioni

"Jezabel", a novela bíblica da Record TV que estreou em fins de abril, já tem seus capítulos finais gravados, embora ainda sem data para ir ao ar. O jundiaiense Gianlucca Mauad, 9 anos, participou dessas gravações no Marrocos, sua segunda aventura de ator fora do Brasil.

Foi acompanhado da mãe, Luana Lima, que conta detalhes dessa aventura norte da África. Na trama das 20h45, Gian faz o papel do príncipe Baruch, sobrinho de Jezabel. Ele e a mãe passaram 9 dias nessa terra de contrastes e exotismo, em meio a sol inclemente e a poeira do deserto do Saara, um país de maioria muçulmana que tem a língua árabe como a oficial. E Luana resume: "Foi maravilhoso, simplesmente inesquecível".

A dupla já tinha ido ao Peru para gravação de uma série para a TV ano passado, mas esta foi uma viagem especial. "Foi um presente que o Gian ganhou, especialmente os amigos que fez", conta Luana, de 35 anos e que montou uma confecção na casa da mãe para gerar uma renda extra e poder acompanhar o garoto em suas andanças como ator.

"Passamos um mês no Recife para gravar 'Lucicreide Vai Pra Marte', em 2017, daí tive que fazer uma opção pela carreira dele. Trabalhei fora sete anos e hoje eu fico atrás do Gian em tempo integral. Nessa ida ao Marrocos fomos avisados dois dias antes do embarque. Então, fico a disposição dele", explica.

TORCEDORA NÚMERO 1

E você, conta como é sua participação... Fica na torcida? Ajuda a ensaiar falas? Fica nervosa? "Nervosa? Eu não, Na verdade, não mais. Ele se profissionalizou e eu peguei experiência também. E na Record é tudo muito tranquilo. O pessoal deixa a gente bem à vontade. O Gian tem até uma coach que o ajuda nas cenas mais difíceis". E completa: "A treinadora é uma
preparadora que fica ajudando o elenco a 'puxar' emoções".

Luana lembra que 0 filho gravou "Jezabel" por um mês e meio em Paulínia e que na viagem ao Marrocos todos já se conheciam, o que facilita muito. "Lá no Marrocos íamos almoçar e jantar juntos com os atores, foi muito legal".

Sobre a atriz que faz a personagem título, Lidi Lisboa, Luana a define como "maravilhosa". Ela conta: "A Lidi levou o cachorro dela em
Paulínia, é o Joaquim. O Gian adorava encontrar o Joaquim no hotel, era sempre uma farra".

A amizade de Gian e Luana é ainda maior com Juliana Knust, que interpreta Queila, que é a mãe de Baruch na trama. "É muito talentosa e uma das pessoas mais 'humanas' que encontrei no meio. Ela sempre dizia: 'Estamos no mesmo barco, então vamos juntos pra frente', sempre otimista".

ESCOLA

Agora que voltou a Jundiaí, Gian vem fazendo aulas de reforço para conseguir acompanhar a turma. "Mas a Domus Sapiens entende e se adapta à rotina dele, isso faz a diferença. Sem a ajuda da escola, não daria para seguir com o trabalho de ator".

E A IRMÃ?

O ator-mirim tem uma irmã de 3 anos e Luana diz que a garotinha não gosta nem de tirar fotos. "Nessa idade, o Gian já fazia campanhas publicitárias. A Ivana só quer saber de ganhar presentes quando a gente volta. Ela fala: "Meu irmão é ator; eu só vou pra escola mesmo'".

Os três moram com os pais de Luana, dona Angela e seu André. Eles é que cuidam de Ivana nas viagens da dupla. "Não tem marido que aguente minha rotina", diverte-se Luana.

Ela é dona de uma marca de roupas, a Candy Pepper, que são vendidas somente pelo Instagram. Claro que Gian é o garoto-propaganda. Nas viagens, quem produz as peças é dona Angela, enquanto Ivana fica com a tia Neusa.

PLANOS

A mãe conta que a empresária de Gian é a carioca Aline Cintra, "que apostou muito nele e vem dando tudo certo". O jundiaiense vem fazendo testes, mas Luana não adiantou para que trabalho. "Ele quer muito ficar na Record, ele amou, porque encontrou muita gente com quem se identificou".

Veja mais fotos da aventura marroquina...



Fotos: Álbum de Família
Jundiaqui
Você vai
gostar de

“Exposição de Presépios” leva arte, vida e emoção para dentro do Solar

JundiAqui te convida para um passeio pelas dependências do museu do Centro

“Em Forró do Rei” é show em homenagem a Gonzagão

Trio Virgulino toca no Sesão dia 23, com os maiores sucesso do rei do baião

Nosso primeiro arranha-céu agora é um setentão

Foi em 1950 que o Edifício Carderelli, no Centro, teve sua inauguração

Natura relembra Erazê em noite da melhor MPB

Bar, boa música e amigos era tudo que o criador do Refogado mais gostava e foi assim a festa em sua memória
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.