Jundiaqui
Jundiaqui

Macarrão sagrado de todo ano da Festa Italiana não vai sair em 2020

Jundiaqui
19 de março de 2020
Comunidade do bairro da Colônia cancela festividades por conta do coronavírus

A Festa Italiana di Jundiaí surgiu em 1988 – ano em que se comemorou o centenário da imigração italiana em Jundiaí, idealizada por Alfredo Paoletti e padre Giuseppe Bortolado – inspirada nas festas que aconteciam em São Paulo, a de San Genaro e a de Nossa Senhora de Archiropita. Fez tanto sucesso que foi batendo recorde e mais recorde de público e entrou para nosso calendário de eventos. Mas esse ano, as centenas de voluntários e os milhares de visitnates não vão se encontrar entre maio e junho. O coronavírus foi mais ameaçador.

O anúncio de cancelamento da festa veio na noite desta quinta-feira (19), o mesmo dia que a Igreja católica de Jundiaí já tinha anunciado a suspensão de missas com a presença de fiéis. Quem comunicou foi o pároco José Carlos Pedrini, que fez questão de lembrar que a decisão foi unânime entre a diretoria da festa.

Padre Pedrini, otimista, já avisou que a 33ª edição fica para 2021, aos sábados e domingos entre 22 de maio e 13 de junho. Daí vai rolar muito macarrão.

TUTTO È FESTA

Sem festa, o JundiAqui anuncia que excepcionalmente este ano não vai circular o jornal bilíngue português e italiano "Tutto È Festa", que volta também ano que vem.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Um giro com Luly Alves pelo nosso aniversário

Veja mais fotos da festa que agitou o Casa Cica Bar e Cozinha

Temer ainda treme

Por Vera Vaia

Aniversário virtual do vovô teve 5 bolos e uniu Jundiaí, Paraná e Nova Zelândia

Engenheiro aposentado teve festas por seus 75 anos com 17 convidados (e mais dois cachorrinhos) em cinco casas diferentes 

Um domingão de Carnaval pela Ferroviários

Um mar de gente tomou conta da avenida neste 16 de fevereiro de bloco Kekerê
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.