Jundiaqui
Jundiaqui

Dia do Futebol: aniversário de Nenê é fora do jogo e perto de novo adeus ao Brasil

Jundiaqui
19 de julho de 2017
Ao completar 36 anos, jundiaiense desfalca Vasco contra o São Paulo e estuda propostas para sair

O Dia do Futebol, 19 de julho, é de festa dupla para Anderson Luiz de Carvalho, o Nenê. É seu aniversário de 36 anos. E excepcionalmente na carreira, nesta quarta-feira de bola rolando ele não estará em campo.

O grande carque jundiaiense no Campeonato Brasileiro, Nenê está de saída do Vasco da Gama. Pelo menos é o que indica sua decisão de pedir dispensa de encarar o São Paulo, no estádio do Morumbi.

Depois de anos como craque dos times em que atuou, ele foi para o banco de reservas na equipe carioca e praticamente definiu sua saída ao não querer viajar com a delegação.

Nenê tem contrato até 2019, mas quer que seja rescindido por ter propostas de outros clubes da Europa e do Oriente Médio. Como já disputou mais de seis partidas pelo Vasco, não pode mais atuar em outros clubes da Série A este ano.

Boas lembranças

Com o Vasco, Nenê foi campeão de 2016 do Campeonato Carioca e ainda eleito o craque do torneio. Veio para o time em 2015, que reagiu tarde e não conseguiu se livrar do rebaixamento no nacional. Ficou no ano passado e o levou de volta à elite. Agora, deve dizer adeus...



Começou no Galo

Nenê foi revelado em 1999 pelo Paulista e ajudou o time a ganhar o Brasileiro da Série C. Logo chamou a atenção do Palmeiras, que o contratou por empréstimo. Não deu certo a negociação e foi ao Santos em 2002, tornando-se vice-campeão da Libertadores e vice do Brasileirão de 2003. Foi o suficiente para ir embora do país.



Sua primeira experiência internacional foi no clube espanhol Mallorca, jogando ao lado do craque Samuel Eto'o. Foi ao Alavés e ao Celta de Vigo, sempre marcando suas passagens com gols.

Veio a França e o Mônaco, mas problemas com companheiros o levaram a voltar ao Espanyol no ano seguinte. De novo no Mônaco, brilhou e chamou a atenção do Paris Saint-Germain, que o comprou por 5,5 milhões de euros.

Em alta

Na temporada 2010-11, Nenê foi eleito o melhor jogador do Campeonato Francês e melhor jogador da temporada do PSG, ganhando também o prêmio de melhor estrangeiro da França, feitos que se repetiriam em 2012-13, desta vez com o título do Campeonato Francês.



Em 2013, Nenê acertou com o Al-Gharafa, do Qatar, passagem marcada mais por confusões e brigas do que gols, embora tenha ficado até o final de 2014. Em 2015, acertou com o West Ham da Inglaterra, mas sem marcar gol também não seguiu no time. Foi quando apareceu o Vasco. O futuro? Em breve deveremos ter novidades...



 

 

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

GEORGE FLOYD

Por José Renato Forner

Jundiaí corre para eleger rainha e rei Momo

Inscrições vão até dia 20 e escolha será dia 23; prêmio chega a R$ 5 mil

UBS Jardim do Lago volta a ter médicos para casos suspeitos de Covid-19

A parir desta teça-feira, unidade retorna à rede de Sentinelas, que sobem a três na cidade

Sábado é um sucesso no Casa Cica

Pagode, DJ Fer Jr, chope e caipirinha em dobro… a fórmula pra reunir muita gente na balada do fim de tarde
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.