Jundiaqui
Jundiaqui

Finalíssima da NBA: vale a pena se ligar em cada segundo

Jundiaqui
3 de junho de 2018
Por Luiz Cláudio Tarallo

Pelo quarto ano consecutivo, a final da NBA, a maior liga de basquetebol do planeta, coloca frente a frente as equipes do Golden State Warriors (atual campeão) e do Cleveland Cavaliers, que tem que correr atrás do prejuízo dentro de casa, depois de duas derrotas seguidas fora. Vale a pena fica ligado.

Bem que Boston Celtics e Houston Hockets tentaram dificultar o reprise das finais, empatando em 3 a 3 a fase da semifinal, mas não conseguiram êxito novamente.

Muitos torceram para que James Harden, o Barba do Houston, conseguisse fazer seu time passar pelo Warriors, para que enfrentasse o grandioso e gigante Lebron, numa talvez épica final. Todavia, predominaram o talento de Curry, Kevin Durant, Klay Thompson e cia, para tentar novamente o título da competição.

As primeiras partidas já demonstraram o quão eletrizante são as finais deste ano. O monstruoso e talentoso Lebron James fez mágica, contudo não foi suficiente para segurar a eficiência da equipe de Oakland. Veremos como ficam as coisas nesta quarta (6).

Destaco aqui um detalhe do primeiro jogo: a polêmica cena com menos de 40 segundos para o fim com uma tentativa de Lebron em provocar uma falta de ataque de Durant, que aliás foi marcada pela arbitragem só que anulada após contestações. Os juízes mudaram e cederam dois lances livres para o Kevin arremessar, provocando assim uma repugnante reação da equipe e seus torcedores.

Se liga:

  • Jogo 1 - 31/5 - Warriors 124 x 114 Cavaliers

  • Jogo 2 - 03/6 - Warriors 122 x 103 Cavaliers

  • Jogo 3 - 06/6 - Cavaliers x Warriors - 22h

  • Jogo 4 - 08/6 - Cavaliers x Warriors - 22h

  • Jogo 5 - 11/6 - Warriors x Cavaliers - 22h - se necessário

  • Jogo 6 - 14/06 - Cavaliers x Warriors - 22h - se necessário

  • Jogo 7 - 17/06 - Warriors x Cavaliers - 21h - se necessário

Jundiaqui
Você vai
gostar de

Finalíssima da NBA: vale a pena se ligar em cada segundo

Por Luiz Cláudio Tarallo

Aniversário no Natura: cada vez aumenta mais…

Na quarta-feira, a comemoração foi de Marici Nicioli, com som e muitos amigos animados

A destruição da memória de Jundiahy

Por José Arnaldo de Oliveira

Na Bem-Te-Vi: êta trem bão esse negócio de pular Carnaval

Uma folia contagiante marcou a tarde desta quinta no centro que trabalha com quem tem síndrome de down
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.