Jundiaqui
Jundiaqui

Haddad perde até para Ciro aqui, mas encara Bolsonaro dia 28

Jundiaqui
7 de outubro de 2018
Ex-capitão do PSL teve 6 de cada 10 votos válidos em Jundiaí, bem à frente do petista; mais de 22 mil não escolheram ninguém

Deu o que as pesquisas já apontavam e haverá segundo turno, dia 28 de outubro, entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. Os candidatos decidirão quem será o presidente do Brasil pelos próximos quatro anos.

Bolsonaro (PSL) e Haddad (PT) disputam a Presidência da República pela primeira vez e foram os dois mais votados entre os 13 postulantes ao Palácio do Planalto.

A vantagem é toda do ex-capitão do Exército e que foi eleito cinco vezes seguidas como deputado federal pelo Rio de Janeiro. Soma mais de 46% da preferência, contra quase 29% do ex-prefeito de São Paulo e que foi ministro da Educação de Lula.

Se Haddad chegou em segundo no Brasil, em Jundiaí acabou em terceiro lugar. Ficou atrás não só de Bolsonaro mas também de Ciro Gomes (PDT).



 

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

“Cabaret Fucô” é musical para refletir no Sesc

Feminismo, a repressão sexual e outros temas fazem parte do espetáculo baseado na obra de Michel Foucault

Uma avó, uma neta, um trauma

Izildinha era apenas uma criança e presenciou algo que jamais esquecera por toda sua vida, conta Cláudia Bergamasco

Filme do jundiaiense Beto Brant terá exibição aqui

“Pitanga” terá uma única sessão, dia 12, às 20 horas. É gratuito

Zanon comanda Festival de Inverno e leva orquestra a Campos

Pelo terceiro ano seguido, Cláudia Feres e seus músicos vão se apresentar na praça do Capivari
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.