Jundiaqui
Jundiaqui

Jundiaí decreta estado de emergência e ônibus param no domingo

Jundiaqui
25 de maio de 2018
Outra ação anunciada é instituir ponto facultativo para as repartições públicas segunda


O prefeito Luiz Fernando Machado decretou estado de emergência no município de Jundiaí, na tarde desta sexta-feira (25), em razão do desabastecimento ocasionado pela paralisação nacional dos caminhoneiros e que já afeta a prestação de alguns serviços na cidade.

O decreto permite apreender combustível estocado de postos privados, fazer compras sem licitação e realizar gastos sem depender de empenho orçamentário, entre outros. Com base no decreto, foi instituído ponto facultativo para as repartições públicas municipais na segunda-feira (28).

O transporte coletivo segue com frota reduzida em 40% e a partir da zero hora de domingo (27) o serviço será interrompido em toda a cidade.

A coleta de lixo permanece suspensa em razão da empresa não ter óleo diesel para abastecer os caminhões. As aulas também estão suspensas por enquanto.

O objetivo é racionalizar os recursos existentes e direcioná-los às áreas  de saúde, transporte e segurança, concentrando esforços para garantir a continuidade da prestação dos serviços públicos essenciais.

De acordo com o Decreto nº 27516/2018, também fica instituído o Comitê de Gestão de Crise.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Nas cercanias da praça da Sé

Por Lúcia Helena Andrade Gomes

Douglas Tufano resgata a história da música quando orquestra para

Um espetáculo diferente vai ser apresentado nesta noite de sábado no Polytheama

Cortella traz sua palavra motivacional a Jundiaí

Palestra é nesta segunda-feira, com preço de R$ 120,00

Dr. Fred recebe alta e festeja soltando bexigas em frente ao São Vicente

Diretor clínico do hospital foi internado na UTI por conta da contaminação com o novo covonavírus
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.