Jundiaqui
Jundiaqui

Fernanda de Favre vai ser nome de escola em 2020

Jundiaqui
17 de dezembro de 2019
Emeb no Residencial Jundiaí vai homenagear a advogada e professora que morreu em 2018

A jundiaiense Fernanda de Favre era advogada e professora. Se formou em Direito na Unianchieta, onde também foi professora e coordenadora pedagógica, e se tornou mestre em Educação pela Universidade São Francisco. Faleceu de câncer aos 41 anos em 2018 e vai ser nome de escola prevista para ser entregue em fevereiro de 2020, a Escola Municipal de Educação Básica do Residencial Jundiaí.

A unidade atenderá 120 crianças, entre 0 a 3 anos, em período integral.

Pai e mãe de Fernanda, Clarisvaldo e Renata, se emocionaram com a notícia. “A Fernanda foi uma pessoa de sorriso fácil, e mesmo após as complicações da doença, nunca deixou de se preocupar com os alunos e suas aulas. É uma satisfação poder vê-la lembrada, além dos nossos corações”, comentou Clarisvaldo.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Diário de bordo parte 1

Como um museu pode mudar radicalmente uma cidade, conta Cláudia Bergamasco

Celeti com matrículas abertas: dê um presentão pra você em 2018

Tem mais de 40 anos? Tem muitos cursos te esperando no Parque da Represa

Aniversário do Maxi é com bolo para lojistas

Shopping Jundiaí comemora seus 28 anos de existência nesta terça

Gatos Gordos comemora 1 ano na praça, fazendo palhaçada

Dia do Circo, nesta terça-feira, tem várias apresentações no Centro
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.