Jundiaqui
Jundiaqui

“Mujeres Violentas” aqui

Jundiaqui
17 de setembro de 2018
Sesão traz um mosaico de denúncia, testemunho e crítica sobre o fato das mulheres serem sistematicamente vítimas de violência

No país em que a violência contra a mulher é uma triste realidade e se repete  sistematicamente em questões de minutos, um alerta chega a Jundiaí em forma de 'perfoconferência' - uma mistura de encenação e relatos de maus tratos a elas que são assustadores. Essa é a proposta de "Mujeres Violentas", com direção da chilena Claudia Echenique e baseado em pesquisas que vêm desde 2010.

Claudia veio do Chile para o Brasil e se fixou em Campinas, para fazer seu doutorado sobre violência. Construiu uma trilogia: violência contra mulheres, contra homens e contra raça. "Hombres Violentos" estreou ano passado no Chile e "Mujeres Violentas" vêm ganhando os palcos do Brasil nos últimos meses com Ló Guimarães e Verônica Fabrini. Em Jundiaí, será no Sesão, nesta sexta-feira (21), às 19h30, com entrada gratuita. "Raças Violentas" está em fase de montagem.

Começa com uma palestra sobre a violência contra mulher. Depois, o discurso vai se adensando, ganhando estranhamento na descrição ritmada de lugares, motivos e maneiras de se violar uma mulher. Em seguida, cenas rápidas vão construindo um mosaico de denúncia, testemunho e crítica sobre o fato das mulheres serem sistematicamente vítimas de violência - que pode ser doméstica, social ou institucionalizada por exércitos, guardas civis e outras forças organizadas que usam as mulheres como despojos de guerra.

Este último tem o estupro como o ponto alto da crueldade, usado em larga escala e praticado com requintes de violência inimagináveis por invasores com o objetivo de humilhar e subjugar o inimigo e isso tanto em guerras declaradas, quanto nas guerras veladas, como é o caso dos ruralistas e a população indígena em vários pontos do Brasil.

Av. Antonio Segre, 695 - Jardim Brasil.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Os quartéis da 2ª Cia de Comunicações

Por Vivaldo José Breternitz

Agora tem troca de figurinhas da Copa no Maxi

Quer encher seu álbum Rússia 2018? Dá uma passadinha no shopping então

Documentário P&B estreia nova sala de cinema da cidade

“Lumière, A Aventura Começa” homenageia Louis e Auguste Lumière

Festa Junina do Celmi é pura diversão

O que rolou no arraiá de sábado você vê em fotos de Ana Lúcia Soares
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.