Jundiaqui
Jundiaqui

Você almoçou hoje?

Jundiaqui
18 de outubro de 2017
Por Manuel Alves Filho, chef de cozinha e jornalista

Você almoçou hoje? Se sim, que bom. Muitas pessoas ao redor do mundo não tiveram a mesma oportunidade.

Eis um dado que talvez lhe embrulhe o estômago: 815 milhões de pessoas espalhadas pelo planeta, contingente que equivale a quatro Brasis, passam fome. Outras 580 milhões sofrem de desnutrição crônica, 38 milhões a mais que no ano passado.

Como se não bastasse, 150 milhões de crianças menores de 5 anos são subnutridas e outros 52 milhões sofrem de descompensação crônica, problema caracterizado pela inadequação do peso em relação ao estômago.

Em agosto de 2015, a Organização das Nações Unidas (ONU) e seus países membros elaboraram a Agenda 2030, conjunto de programas, metas e ações que têm por objetivo construir, até 2030, um mundo sustentável e livre da pobreza e da fome. A julgar pelos números aqui apresentados, divulgados pela própria ONU, a missão será muito complicada, principalmente se não houver o engajamento daqueles que fazem três ou mais refeições por dia.

Como jornalista e cozinheiro, penso que o combate a todas as formas de desperdício e o aproveitamento total dos alimentos contribuiriam de maneira importante para enfrentar esse flagelo.

Considero que cairia bem a união entre chefs de cozinha, restaurantes, universidades, poder público e entidades assistenciais para trabalharmos conjunta e coordenadamente com esse propósito.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Países felizes

Por José Arnaldo de Oliveira

A guerra entre Jundiaí e Uber

Entenda o decreto que pode tirar parte da receita dos motoristas de aplicativos de transporte da cidade

O negócio é amor

Por André Kondo

Nem todo super-herói tem capa

Por Kelly Galbieri
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.