Jundiaqui
Jundiaqui

Dia 21 tem Orquestra Rock e Raimundos tocando pelo Grendacc

Jundiaqui
9 de julho de 2018
No aniversário do grupo em defesa do câncer, você pode ajudar se divertindo. Ou se deliciando com uma feijoada

O Grendacc (Grupo em Defesa da Criança com Câncer) está em festa por conta do aniversário de 23 anos de existência. Vai promover um ato religioso na manhã do dia 18, com início às 9 horas, na sede do grupo no Parque da Represa. E mais duas festas pagas, para arrecadação de dinheiro em ano dos mais complicados para o grupo: no dia 21 de julho, na sede de campo do Clube Jundiaiense, tem show com a Orquestra Rock e a banda Raimundos, a R$ 40,00; e dia 5 de agosto, às 12 horas, a 2ª Feijuca do Bem com roda de samba, no Espaço Santa Filomena – Ki Festa, a R$ 50,00. Os convites podem ser adquiridos no próprio Grendacc.

Fundado em 18 de julho de 1995, o Grendacc, que até 2017 funcionava em regime ambulatorial, vem enfrentando seu maior desafio, que é manter em pleno funcionamento o Hospital da Criança 24 horas, com os serviços de Centro Cirúrgico, UTI e Internação. Com um custo mensal em torno de R$ 1,2 milhão e uma arrecadação aproximada de R$ 850 mil, a instituição acumula hoje uma dívida de R$ 3,6 milhões.

Show

 

 

A Orquestra Rock conta com 36 instrumentistas e que irão dividir o palco com o Raimundos em um show que terá toda a arrecadação da bilheteria revertida para o Grendacc.  O repertório terá os sucessos da banda e clássicos de ícones do rock mundial como Led Zeppelin, The Doors, Van Halen, Iron Maiden, Nirvana, ACDC, Deep Purple e Guns'n Roses.

A apresentação, que integra o Projeto Arte do Bem, tem início às 23h. Mas antes o público poderá curtir o som da banda jundiaiense Moskkana, composta por Nando Perlati, Ivan Negri, Leandro S.P, Marco Lima e Zé Alberto.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Jundiaiense chega ao Uruguai e vai encarar América do Sul a pé

Milena Leal saiu da cidade em 9 de setembro e seu plano é ficar fora por 2 anos

Pai dos burros

Por Vera Vaia

Sogno o realtà?

Prefeitura de Jundiaí diz que agora projeto de aulas de italiano nas Emebs vai ser realidade; em 2013 durou só três meses o sonho

Vacina da febre amarela é para bebês acima de 9 meses e até idosos

Mutirão segue no Parque da Uva e alerta se intensifica após morte na divisa com Itatiba
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.