Jundiaqui
Jundiaqui

A importância da limpeza bucal feita pelo dentista

Jundiaqui
24 de setembro de 2017


A Joy Care Odontologia Moderna alerta sobre cuidados que vão melhorar sua vida

Escovar os dentes todos os dias e usar fio dental é muito importante para manter os dentes limpos e um sorriso mais bonito. Entretanto para assegurar uma ótima higiene e ficar longe de problemas bucais, é preciso somar a limpeza feita em casa com a Limpeza Dental periódica realizada no consultório, também chamada de profilaxia bucal.

Por mais cuidado que se tenha durante a escovação dos dentes, nem sempre a higienização é totalmente eficiente, o que provoca o acúmulo de restos de alimentos e facilita o alojamento de bactérias nos dentes e gengivas.

Quando não são removidas, elas se mineralizam e formam o tártaro dental que, permanecendo por muito tempo na boca, se torna cada vez mais complicado de ser removido e ainda causa outras consequências negativas para a saúde bucal, como:

  • Gengivite: inflamação na gengiva caracterizada por vermelhidão, inchaço, dor e sangramento espontâneo. É reversível desde que seja feita uma higienização diária e a limpeza profissional no consultório odontológico.


  • Destruição do osso ou retração da gengiva: quando o tártaro se intensifica ele tende a se alojar na raiz do dente, provocando o amolecimento e a perda dental. É um problema mais crítico já que o osso quando perdido não pode ser recuperado.


  • Bolsa periodontal: quando a gengiva fica em contato direto com o dente, forma-se um espaço livre (que deveria estar ocupado pelo osso) onde ocorre a acumulação de alimentos e proliferação de bactérias. O problema se intensifica porque esse é um espaço de difícil higienização.


  • Mau hálito: a saburra lingual, caracterizada pela língua branca, é uma das principais causas da halitose. É provocada pela higiene bucal ineficiente.


Como é o processo da limpeza Dental?

A limpeza realizada no consultório odontológico é feita com aparelhos de ultrassom e jatos de bicarbonato que ajudam a retirar a placa bacteriana, os tártaros e as manchas dos dentes. Mas antes o dentista realiza uma avaliação clínica à procura de cáries, tártaros, infiltrações e manchas externas.

Logo após a avaliação a limpeza bucal é iniciada:

  • Aparelhos de ultrassom e a raspagem manual fazem a limpeza do tártaro

  • Jatos de bicarbonato de sódio limpam a placa bacteriana

  • Logo depois, o dentista faz o polimento e a aplicação de flúor com uma escova rotatória e uma pasta profilática, para diminuir a sensibilidade dos dentes

  • Em alguns casos, quando os dentes estão muito amarelados ou manchados, pode ser realizado um branqueamento simples com produtos específicos


A limpeza dental é um tratamento de higienização que ajuda a prevenir problemas na cavidade bucal, portanto é indicada para pessoas de todas as idades, de criança a idosos.

Mesmo quem não apresenta tártaro, deve fazer a limpeza periodicamente com pasta profilática e aplicação de flúor para manter os dentes livres de placas e cáries.

Normalmente essa periodicidade deve ser de seis em seis meses, mas a orientação para as próximas visitas e a frequência da limpeza vai ser indicada pelo dentista e depende da saúde bucal e estado clínico de cada pessoa.

Em alguns casos, quando os dentes estão um pouco mais comprometidos, o paciente é aconselhado a visitar o dentista a cada quatro meses.



 

O cuidado com o sorriso é muito importante


Com a ajuda das ferramentas e produtos nos consultórios odontológicos, é possível conseguir uma limpeza bem profunda. Mas a regra é clara: todo mundo precisa manter uma higiene bucal adequada com uso do fio dental e escovação diária após as refeições e a quantidade ideal de pasta de dente.

Além disso, é importante ter uma alimentação saudável, evitar o consumir alimentos ácidos, doces e industrializados, e evitar maus hábitos, como fumar.

E quem faz tratamento específico, como uso de aparelho ortodôntico, os cuidados precisam ser redobrados.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Um coração de ouro

Por Guaraci Alvarenga

O “chocho” da modernidade. Um perigo?

Por Wagner Ligabó (crônica)

Circuito Divertido no Maxi Shopping Jundiaí até dia 26

Tem muita diversão pra garotada de até 10 anos de idade

Psiquê em Música lota sessão extra de “A Depressão em Versos e Notas”

Rita Cerioni ajuda jundiaienses a refletirem sobre as dores da alma entre canções interpretadas por Tom Nando e Mil Taroba
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.