Jundiaqui
Jundiaqui

Tem jundiaiense no filme dos Fittipaldi

Jundiaqui
19 de maio de 2017
O jornalista Castilho de Andrade dá seu depoimento sobre a saga da Copersucar nas pistas da F-1



Castilho de Andrade marca a história de Jundiaí na F1 e agora em 2017 vai aparecer na telonas com o filme "As Asas de Ícaro: A Verdadeira História da Equipe Fittipaldi", que vai mostrar a trajetória da escuderia chefiada pelos irmãos Emerson e Wilson Fittipaldi, a Copersucar, que disputou a categoria máxima do automobilismo mundial entre 1975 e 1982.

Do diretor Fernando Dourado, viria para comemorar os 40 anos do lançamento da equipe, mas sofreu atrasos. Junto com o lançamento do filme, a produção programa um livro com fotos inéditas da história da equipe, registros feitos pelo fotógrafo Cláudio Larangeira, que acompanhou desde os bastidores da criação do time até as corridas de pilotos como Chico Serra, Ingo Hoffmann e Keke Rosberg.

Em oito temporadas, a Copersucar disputou 120 corridas, com três pódios.

Jundiaiense faz história no jornalismo esportivo

Filho de João Castilho de Andrade e Irene Portugal, João Carlos Castilho de Andrade, ou simplesmente Castilho de Andrade, é jornalista especializado em automobilismo e diretor de imprensa do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. E isso vem desde 2006.

Castilho nasceu na Capital, em 20 de dezembro de 1948, e veio com a família para cá e viveu aqui até a juventude - estudou no Geva antes de se formar na Faculdade Casper Líbero.

Ele é irmão de Maria Cristina Castilho de Andrade, ex-secretária municipal e que comanda a Associação Maria de Magdala -  há mais de 20 anos auxiliando adolescentes e mulheres envolvidas com a prostituição.

Castilho trabalhou no "Jornal da Tarde" e no "Estadão" - assim com Sandro Vaia, Sidnei Mazzoni, Pedro Fávaro Junior, os irmãos Dagoberto e Denílson Azzoni, Edu Cerioni, Niza Souza, Ademir Fernandes e outros jornalistas da terrinha.

Castilho também atuou na CBS, Globo e UOL. Participou de coberturas de outros esportes, mas sempre foi ligado mesmo ao mundo a F1.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Em tempos de romaria a Pirapora

Nos dois próximos sábados tem romeiro de Jundiaí indo ao Santuário de São Bom Jesus

Picôco imortalizado no Estrela da Ponte

Inauguração de placa com nome do colunista social é com grande festa no bairro em que nasceu e viveu até os 72 anos

Wilson Witzel anuncia que está com o novo coronavírus

Jundiaiense que é governador do Rio de Janeiro contou sobre a contaminação pelas redes sociais

Peça lançada há 11 anos vem a Jundiaí segunda alertar sobre drogas

No elenco de “Ainda”, comentrada gratuita, está o jundiaiense Carlos Mariano
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.