Jundiaqui
Jundiaqui

E não é que até queijo a Serra do Japi dá?

Jundiaqui
8 de agosto de 2018
Ele é produzido em uma fazenda de Cabreúva e combina técnicas suíças e alemãs às nacionais

A Fazenda Pé do Morro, de Cabreúva, ganhou destaque na 3ª edição do Festival Fartura, graças ao artesanal Queijo Serra do Japi. Ela produz queijos de leite de vacas Jersey e Pardo-Suíço que são criadas em meio a essa nossa grande muralha verde (a serra pertence também às cidades de Jundiaí, Cajamar e Pirapora do Bom Jesus).

Uma das delícias é o Piá, um queijo de casca lavada e massa mole. Há ainda o Granito, Pingado e o Sol do Japi (pode ser apreciado com 3, 6 ou 9 meses de maturação, cada um deles com uma complexidade de aroma e sabor diferente). Também há o Lua da Serra, feito com leite pasteurizado e maturado em grelhas que permitem a circulação do ar, deixando-o com uma cobertura de mofo branco.

O mestre queijeiro é Érico Kolya, que aprendeu os segredos na Suíça e na Alemanha e combinou essas técnicas com as usadas por aqui em regiões como a da Canastra.

Falta tradição para São Paulo? É incomparável com a mineira, mas o festival comprovou que existem novidades... Doze produtores ofereceram cerca de 120 tipos de queijos e agora estão reunidos no Caminho do Queijo Artesanal Paulista. São produtos dos mais variados sabores, texturas e cores, também em diversas formas e à base de leite de vaca, búfala, cabra ou ovelha.

Essa rota passa por Cabreúva, Joanópolis, Amparo e outras cidades mais distantes de Jundiaí, como São José do Rio Pardo.

Foto: Divulgação
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Quando o passado serve para refletir sobre o presente

“Coriolano”, de William Shakespeare, será apresentada no Complexo Fepasa neste sábado

São 25 escolas de samba na história de Jundiaí

Santa Cruz, com os sócios do Clube 28 de Setembro, foi a pioneira

Enfermagem do São Vicente perde o sorrisão do Tiago, vítima da Covid-19

Tiago Andrade da Silva tinha 35 anos e lutou bravamente contra o vírus, mas não resistiu

O ano em que meus pais saíram de férias

Dr. Didi conta outra história, a dos ministros juízes que saíram de férias e resolveram dar algumas liberdades
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.