Jundiaqui
Jundiaqui

Thiago Velardi abre 2020 com pódio na e-MTB

Jundiaqui
9 de março de 2020
Jundiaiense é 5º lugar em Araxá e se prepara para desafio em Amparo

Thiago Velardi, jundiaiense que disputou o Mundial 2019, abriu com pódio a temporada 2020. Correu a abertura da Copa Internacional de Montain Bike em Araxá, evento tradicional em Minas Gerais. A prova é uma das mais importantes das Américas, valendo para o ranking mundial. Ele ficou com a 5ª colocação na categoria Profissional E-XCO.

Atual vice-campeão Brasileiro de e-MTB, ou seja, de bicicleta elétrica, agora ele se prepara para a abertura do Brasil Ride de XCO em Amparo, São Paulo, neste sábado (14) e domingo (15).

Para quem não conhece essa categoria de e-bikes, ela tem auxílio na pedalada até atingir os 25 km/h, porque a partir dessa velocidade o atleta faz até mais força em comparação ao uso de uma bicicleta normal, afinal são 10 quilos a mais do motor para carregar. "A competição se torna mais emocionante e dinâmica com a velocidade maior tanto nas subidas quanto nas descidas", assegura Thiago.

O ciclista conta que o mercado de e-bike está em crescimento e, consequentemente, também as competições. "Cada vez mais vemos mais bikes desse tipo circulando tanto nos morros quanto nas cidades, neste segundo caso como transporte sustentável e menos poluente".

Thiago diz, no entanto, que  muito mais gente poderia estar com sua e-bike, não fossem tantos impostos a pagar. "Uma pena o governo cobrar um imposto tão alto para esse produto, com isso protege veículos poluentes e deixa de incentivar essa que seria uma solução para as grandes cidades melhorarem sua qualidade de vida".

Ele lembra que em partes da Europa, como nas cidades de Copenhagen, na Dinamarca, e Amsterdam,a Holanda, a venda de e-bikes já supera a de bicicletas comuns.

O jundiaiense Thiago Velardi fez história ao disputar ano passado, um dos únicos quatro brasileiros entre os 45 inscritos do mundo todo, a primeira prova do Campeonato Mundial de e-MTB - não completou por conta de um pneu furado.

Formado em Educação Física pela ESEF, ele é dono da Montanhas Race e se tornou fera de downhill e enduro. 

Fotos: Cesar Delong/Divulgação
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Fernanda Souza vem com “Meu Passado Não Me Condena”

Teatro Polytheama tem muita dança em junho e estreia da temporada da Orquestra Municipal

Gebram reúne empresariado na Maison Granville

Encontro trouxe a Jundiaí Thomaz Menezes, CEO da It’sSeg Company

O Circo

Dr. Didi mostra que os palhaços somos nós, porque os políticos estão rindo à toa

Estaçãozinha se enche em festa para passagem do Trem Iluminado

Foi na noite deste sábado que as ruínas do prédio histórico receberam seu maior público
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.