Jundiaqui
Jundiaqui

Vacina contra febre amarela deixa de ser exigência no Clube Jundiaiense

Jundiaqui
14 de janeiro de 2018
Depois de mais de 70 dias, não é mais necessário apresentar comprovante de vacinação para entrar na sede de campo



 

O Clube Jundiaiense deixa de exigir de seus associados e convidados o comprovante de vacinação contra a febre amarela, medida que entrou em vigor no dia 1º de novembro de 2017.

A ação foi adotada para os frequentadores da sede de campo, localizada na rodovia Vereador Geraldo Dias, no Parque Centenário, apontado até então como uma área de risco para febre amarela.

A liberação aparece em um outdoor que traz "assinatura" conjunta da diretoria do CJ e da Unidade de Vigilância de Zoonoses de Jundiaí.

Entre os que comemoraram a decisão está Val Junior, que vai promover duas festas de Carnaval ali, dias 3 e 12 de fevereiro com o seu Chupa que é de Uva.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Sem açúcar, com afeto

Uma tatuagem de boca, tão metida e desavergonhada, era como uma resposta às torturas silenciosas que Michelle sofria dia a dia, diz Cláudia Bergama [ ... ]

Sexta tem Paula Toller em “Como Eu Quero”

Cantora cairoca vem ao teatro Polytheama

Outros Carnavais é a aposta do Sesc Jundiaí

Tem frevo, farra do boi, sambada de reis e outras manifestações, tudo de graça

O idoso, o meio ambiente e o ambiente do meio

Eusébio dos Santos lembra que idoso não tem que pensar em preservar o Planeta só para os netos, mas também para si próprio
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.