Jundiaqui
Jundiaqui

Via-Sacra no Centro leva Jesus a pontos de comércio do sexo

Jundiaqui
27 de março de 2018
Pelo oitavo, Pastoral da Mulher reza em um simbólico caminho de Cristo à Cruz Redentora

Edu Cerioni

Fiéis caminharam em procissão pelas 15 estações da Via-Sacra na noite desta segunda-feira (26), no Centro de Jundiaí. O bispo Dom Vicente Costa rezou junto com alguns homens e crianças e muitas mulheres, sendo várias freiras, em um simbólico caminho da condenação à ressurreição de Jesus Cristo. O ato de fé é organizado pelo oitavo ano seguido pela Pastoral da Mulher – Santa Maria Madalena/ Magdala, coordenada por Cristina Castilho de Andrade, durante a Semana Santa.

Cristina conta que a ideia é levar a presença de Jesus a locais em que mulheres estiveram ou ainda estão à mercê do comércio do sexo no Centro de Jundiaí.

A chuva deu trégua para que as dezenas de pessoas caminhassem desde a rua Senador Fonseca, subindo para Rosário e Barão de Jundiaí, entre elas Ignesinha do Pandeiro (foto no alto da página), que normalmente faz o percurso nos blocos de Carnaval.

Margarete Bigardi (foto abaixo), que foi primeira-dama, também participou da procissão. Três cadeirantes também fizeram o caminho, com ajuda de outros fiéis. As bandeiras brancas que eram agitadas pelo caminho foram feitas de papel e coladas a mastros de bambu.A sexta Estação tem na passagem do Evangelho lida que o homem não pode ser tratado como mercadoria e, curiosamente - ou seria propositalmente? - ela acontece bem em frente ao Banco Itaú e ao lado de Santander e Banco do Brasil. O encerramento foi na Catedral Nossa Senhora do Desterro.Entre leituras e cânticos que ecoaram alto na noite da região central, onde muitos catadores de papelão iam  recolhendo seu sustento, cada parada era marcada pela reza do Pai Nosso e da Ave Maria. Sobrou emoção.

Veja fotos:

Fotos: Edu Cerioni
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Polytheama vai ganhar sistema de ar-condicionado antes do verão

Instalação do equipamento no teatro centenário está no pacote de R$ 174 milhões financiados pela Caixa

Quem quer morrer logo?

Por José Renato Nalini

Trio em Transe te convida a ir curtir som nas cavernas do Petar

Programação é para três dias, com preço a partir de R$ 349,00 por pessoa

Silvio Gebram deu um chute na ‘mosca’; líder soma 12

Corretor de seguros somou pontos em 29 partidas da Copa, mas está longe de Thiago na classificação
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.