Jundiaqui
Jundiaqui

desejos

Jundiaqui
2 de janeiro de 2018
Por José Renato Forner

desejos para 2018:

que seja um ano melhor. mais justo.

que seja um ano em que a gente não tenha que ver malas do nosso dinheiro transitando na calada da noite.

um ano em que não tenhamos que ouvir "tem que manter isso aí"

que seja um ano em que a gente se horrorize mais com a manobra para impedir a investigação do nosso presidente do que ver um homem pelado numa exposição de arte.


um ano em que os mais necessitados tenham mais olhares que as visualizações de despacito no youtube


um ano sem atiradores em atos terroristas. que seja um ano de mais vida.


que seja um ano em que o trump que habita cada um de nós escolha acolher e não expulsar.


um ano de trabalho e oportunidades. um ano de mais conquistas e menos retrocesso.


um ano onde a gente aprenda a ser mais argentino em nossas reivindicações.


um ano em que a discussão seja um pouco mais ampla do que a bunda da anita e a afinação do pablo.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

“O Pequeno Príncipe” inspira Olimpíada de Redação

“O essencial é invisível aos olhos” é o tema; prêmio para o 1º lugar é de R$ 2,5 mil por categoria

Padre italiano morre em Jundiaí

Guido Pirollo tinha 88 anos e foi enterrado no Cemitério Nossa Senhora do Desterro

Jundiaienses já podem se inscrever para receber IPTU eletrônico 2020

Cadastrpo vai ficar aberto até o dia 10 de dezembro

Nim Piccolo marcou história do Exército, dos transportes e da filantropia

Hermógenes foi sócio da Piccolotur, rotariano e ‘amigo’ do 12º GAC; enterro é nesta quarta nos Ipês
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.