Jundiaqui
Jundiaqui

Mais de cem anos de tradição: da padaria São Sebastião ao Dadá

Jundiaqui
26 de janeiro de 2018
Por Vivaldo José Breternitz
Em 1915, Abílo Ferreira, um imigrante português, fundou em Jundiaí a Padaria e Confeitaria São Sebastião, que tinha como endereço  o número 67 da Praça da Independência (hoje Praça Governador Pedro de Toledo); seu telefone, 111.


Era um estabelecimento requintado, como se pode ver no anúncio abaixo: produtos importados e coisas que a maior parte da população não consumia regularmente.



Na década de 1950, seus filhos transformaram o estabelecimento em um bar e restaurante, chamado Dadá, apelido de Eduardo, filho caçula de Abílio. Continuou a ser um ponto elegante da cidade: além das refeições, muita gente ali se encontrava para o aperitivo do final da manhã ou início da tarde, pessoas lanchavam ao sair da Missa na Catedral, jovens tomavam seus milk shakes e banana splits depois do cinema - enfim era um local para toda a família. Eduardo administrou o restaurante até o ano de 2010, quando faleceu.

 

Mas o Dadá, agora Restaurante Dadá, continua operando, e bem: basta procurar avaliações nas redes sociais, quase todas muito positivas. O local continua o mesmo, mas a designação do endereço mudou: agora é Rua do Rosário 277.




No alto, a foto do fundador com o furgão da Padaria - acervo do Prof. Maurício Ferreira.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Grendacc consegue R$ 700 mil para amenizar crise

Dinheiro virá do governo do Estado; Ministério da Saúde não se manifestou mais

O real Corinthians

Por Marcel Capretz

Elvio Santiago brilha com suas telas e nas histórias infantis

Um efeito lírico fala mais alto nas telas surrealistas desse artista radicado há décadas em Jundiaí. Ele também criou personagens que cativam a c [ ... ]

Dia do Amigo

Por Kelly Galbieri
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.