Jundiaqui
Jundiaqui

SERRA DO JAPI

Jundiaqui
21 de dezembro de 2020
Uma das 7 Maravilhas de Jundiaí é tanto patrimônio ambiental quanto cultural

A Serra do Japi, tombada em 1983 e que tornou o município inteiro uma área de proteção ambiental (APA Jundiaí) em 1984, é um tesouro de biodiversidade e agora uma das 7 Maravilhas de Jundiaí.

São mais de 30 espécies de anfíbios, entre os quais o minúsculo sapo pingo de ouro.

Os peixes tem mais de 30 espécies, incluindo o jundiá. E as águas tem ainda animais bentônicos, como crustáceos. Muitos se espalham por riachos fora da reserva.

Répteis também variam.  Quase 20 espécies de serpentes e pelo menos cinco de lagartos, sem esquecer o camaleão. Tem invertebrados como o bicho-casca, o serra-pau ou as 200 espécies de aranhas e as 40 de vespas.

São mais de 340 espécies de aves, entre fixas e migratórias. E, somente borboletas, são quase 900 espécies.

Tem primatas, como um sagui nativo ou o sauá. Tem mamíferos herbívoros como veados, gambás, cotias, tapitis e ouriços. E outros, predadores, como onças-pardas, jaguatiricas, cachorros-do-mato, furões ou quatis.

Os animais vivem em meio a mais de 300 espécies de árvores, entre floresta de altitude, floresta mesófila semidecídua, manchas de cerrado e lajedos rochosos. E a flora é imensa.

E a base de tudo é formada por morros de quartzito, com até 70%do solo sendo formado pelas próprias folhas das plantas e apoiado em um sistema de águas que sobe a montanha. Uma joia da Mata Atlântica.

FUTURO EXIGE INOVAÇÕES

A Serra do Japi é parte da própria alma da cidade e muita gente ajudou a protegê-la desde a década de 1950, de moradores a cientistas.

A proximidade com São Paulo atrai no mercado a serra e toda a APA Jundiaí, ainda mais com o "novo normal " do trabalho remoto. Entre inovações possíveis está o monitoramento da circulação da biodiversidade no município inteiro. Além de tesouro local, é um diferencial global.

Fotos: Antonio Scarpinetti



Jundiaqui
Você vai
gostar de

Natal do Centro é mágico aos olhos da criançada

ACE e CDL se unem para alegrar a temporada de compras de milhares de jundiaienses

Os limites do amanhã

Pelo Dr. Didi

Para CDL e Sincomércio, lojas podem abrir no Carnaval

Estado cortou ponto facultativo e deixou que cada prefeitura definisse, sendo que a de Jundiaí ainda não se manifestou

Jundiaí dá uma luz para empresas que querem “criar o futuro”

“Café Tecnológico” na quarta terá lançamento de concurso para startups
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.