Jundiaqui
Jundiaqui

Lourenço defendeu pênalti de Pelé no Paulistão

Jundiaqui
19 de janeiro de 2020
Morador de Jundiaí conseguiu essa façanha em 1971 em plena Vila Belmiro

Às vésperas de mais um Paulistão, o JundiAqui resgata a história de Lourenço em jogo pelo estadual de 1971, quando o então goleiro do São Bento pegou um pênalti do rei Pelé. Tudo bem que o Santos venceu por 1 a 0,  mas o morador de Jundiaí entrou para a história por conseguir um feito raro diante do artilheiro que encerrou a carreira marcando nada menos do que 1.284 gols em 1.380 jogos, o que dá uma média de 0,93 gol por partida.

Foi no dia 5 de maio de 1971 e a partida em plena Vila Belmiro. Pelé foi derrubado na área aos 38 minutos do segundo tempo. Lourenço lembra que o rei fez a paradinha, mas que ele acertou que a bola iria no canto esquerdo, conseguindo fazer a defesa. "O Rei não bateu mal. Eu que tive a felicidade de acertar o lado. Ele deu aquela paradinha e esperei primeiro tocar na bola, para pular no canto", contou ao jornalista Rivelino Teixeira certa vez.

Lourenço nasceu em 1941 em Jacarezinho, Paraná, mas logo cedo foi com a família para Presidente Prudente. Chegou a defender o Paulista de Jundiaí.

PAULISTÃO 2020

A Federação Paulista de Futebol marcou para 22 de janeiro o início do Paulistão. Os 16 clubes foram divididos em quatro grupos. Na primeira fase, os times enfrentam as equipes das outras chaves. Os dois melhores de cada grupo avançam às quartas, os dois piores, no geral, serão rebaixados. A final está marcada para o dia 26 de abril.

Grupo A: Santos - Ponte Preta - Oeste - Água Santa

Grupo B: Palmeiras - Novorizontino - Botafogo - Santo André

Grupo C: São Paulo - Ituano - Mirassol - Inter de Limeira

Grupo D: Corinthians - Ferroviária - Guarani - Bragantino.
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Nos embalos de sábado, Roberta Campos se apresenta no SESC Jundiaí

Cantora é um dos nomes mais promissores da Música Popular Brasileira da atualidade Um dos nomes mais reconhecidos da jovem MPB, a artista Roberta Ca [ ... ]

“Desafio agora é escolher músicas que representem minha verdade”

Depois de brilhar com “K.O”, jundiaiense Renan Cavolik quer levantar a galera e vencer o “The Voice Brasil”

Comida de boteco – Particularidades

Pelo chef Manuel Alves Filho

Edu Cerioni receberá Diploma do Mérito Jornalístico de Jundiaí

Editor do JundiAqui é o 19º indicado para a homenagem criada pela Câmara há 31 anos
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.