Jundiaqui
Jundiaqui

Governador não quis saber de assinar ofício do Grendacc

Jundiaqui
21 de junho de 2017
Verci Butalo bem que tentou fazer com que Alckmin engrossasse a lista de apoio ao Hospital da Criança

Verci Butalo aproveitou a visita de Geraldo Alckmin a Jundiaí nesta quarta (21) e entregou nas mãos do governador um ofício em que pede ajuda do Estado de São Paulo para resolver o impasse com o Governo Federal que ameaça fechar o recém-inaugurado Hospital da Criança. Alckmin recebeu o documento, mas não assinou a lista de apoiadores da causa do Grendacc.

A presidente do Grendacc se mostrou preocupada com a possibilidade de ter que interromper o atendimento a crianças com câncer, uma vez que não foi feito o credenciamento da UTI pelo SUS - Sistema Único de Saúde.

Verci pegou assinaturas dos demais políticos que acompanharam a vinda de Alckmin para liberar menos de três quilômetros da quarta pista da rodovia dos Bandeirantes (leia), em uma ação de desespero para tentar modificações nas normas do Ministério da Saúde.

É que o Hospital da Criança tem 16 leitos (cinco de UTI), sendo que o ministério exige um mínimo de 50 leitos para liberar o credenciamento.

Verba a caminho

Também nesta quarta, Verci assinou um termo para que o Grendacc receba R$ 100 mil por conta de emenda parlamentar do deputado estadual Junior Aprillanti (PSB), dinheiro que será liberado em até 30 dias.

Jundiaqui
Você vai
gostar de

UBSs têm vacinas para gestantes e crianças até 6 anos contra a gripe

Vai das das 9h às 11h30 e das 13h às 16h30. Agapema, Tamoio, Hortolândia e antiga Novo Horizonte fecham 19h30

Orfandade não tem idade

Por José Renato Nalini

Novela com jundiaiense é recordista no “Vale a Pena Ver de Novo”

Eloísa Mafalda, que morreu há um ano, está no folhetim global “Por Amor”

Futebol paulista: previsões para amanhã

Por Marcel Capretz
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.