Jundiaqui
Jundiaqui

Marionetes ou anjos? Objetos abjetos?

Jundiaqui
16 de agosto de 2018
Por Cláudia Bergamasco

Puta não tem voz, não tem vez
Puta é só uma puta
Não tem passado
Não tem infância
Não tem inocência
Nunca teve
Puta não tem futuro
Puta só tem o agora
Recebe, faz e vai embora
Puta não tem sentimentos
Não tem coração
Não tem mãe nem família
Puta é apenas um objeto
Abjeto
Momentos
Puta não pode ter o “luxo” de ter sentimentos
Nem pode sentir dor no coração
Não pode amar
Nunca é amada
Puta é só uma puta
Um estepe para um momento
Uma ou duas horas para quem paga – ou nem paga
Um ouvido para os problemas
Problemas sobre o trabalho, do dia-a-dia
Problemas com a mulher oficial
Passado esse momento, a puta volta a ser apenas uma puta
Sem rosto
Sem corpo
Sem coração
Sem sentimentos
Sem calor
Um ser gelado e rejeitado
Nem humana é
Apenas um objeto
Abjeto
Usa-se e joga fora
Ignora-se
Ela, a puta, tem fendas no coração
Essas fendas fazem parte da vida
E elas estarão sempre lá
Seja numa puta ou num anjo ou em você
A puta, no entanto, mostra essas fendas aqui e ali
Numa emoção não contida aqui e ali
Escancara vez em quando
Os outros escondem
Mas não das putas
Elas sabem tudo
Essas putas, meretrizes, quengas
Piranhas, mundanas, vadias
Vacas, piriguetes, molambentas
Mulheres da vida, mulheres perdidas
Devassas, promíscuas, mulheres de esquina
Messalinas, pecadoras
Marionetes? Ou anjos?
Oh, essas santas que salvam vidas e casamentos
Serão elas necessárias à sociedade?
Lógico!
Sem puta não existe equilíbrio
Reflexão
Explore a puta, explore seu corpo
Lave a alma com uma puta
Anjos abjetos
E viva em paz!
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Mulher que abandonou bebê na Igreja da Vila Arens é ouvida pela polícia

Moradora de Várzea Paulista de 26 anos e que tem outros dois filhos prestou depoimento e foi liberada

Nos festejos de 61 anos da Banda São João Batista

Com exclusividade o JundiAqui traz dezenas de fotos da comemoração no Teatro Polytheama

Vanessa Da Mata e o atrevido Gustavo Mendes no Polytheama

Programação de maio é marcada por dança de academias da cidade

A história de Jundiaí nos arquivos do Vaticano

Por Luiz Haroldo Gomes de Soutello
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.