Jundiaqui
Jundiaqui

O dia em que a Baronesa de Jundiahy libertou seus escravos

Jundiaqui
29 de janeiro de 2020
Por Vivaldo José Breternitz

O jornal "A Província de S. Paulo", atual "O Estado de S. Paulo", pregava a abolição da escravatura. É muito interessante notar que, em suas edições de 1887, havia inúmeras notícias acerca de pessoas que estavam libertando seus escravos, algumas vezes com a condição de que prestassem serviços durante mais algum tempo.

Essas pessoas provavelmente estavam percebendo que a escravidão, essa chaga social que envergonhava nosso país, estava deixando de se sustentar, apesar de que, em abril daquele ano, ainda existissem 1.366 escravos só aqui em nossa cidade. E olha que constantemente esse periódico trazia notas mostrando libertações feitas por pessoas daqui, algumas conhecidas até hoje. É o caso do Coronel Leme da Fonseca e da Baronesa de Jundiahy.

Segundo o jornal de 22 de julho de 1887 coronel e baronesa libertaram cerca de 100 de seus escravos - com o condição de que prestassem serviços até o final de 1890. A abolição total chegou antes, felizmente.



Já no dia 25 de agosto noticiava-se que o Barão de Japy e os comerciantes Monteiro de Barros & Irmão libertariam seus escravos na mesma condição - só o Barão possuía mais de 100 deles. Também exigindo serviços por mais três anos, o fazendeiro José Estanislao do Amaral prometia libertar seus 300 escravos.



São ecos de um passado não tão remoto, que nos fazem lembrar a obrigação de combatermos situações semelhantes, ainda presentes nos dias atuais, quase sempre envolvendo migrantes que deixaram sua terra em busca de condições de vida um pouco menos piores e que acabam vítimas dos modernos senhores de escravos, vivendo muitas vezes em condições piores do que as em que viviam os escravos até o final do século XIX.

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Odair ajudou a destacar nome Luchini na historia sobre rodas

Grupo familiar tem um total de 18 empresas na região

Desejo de Matar

Pelo Dr. Didi

Meu tipo de refeição

Pelo chef Manuel Alves Filho

Canadenses do vôlei treinam em Jundiaí

Reid Brodie, que já morou aqui por conta de intercâmbio do Rotary, trouxe meninas ao Bolão
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.