Jundiaqui
Jundiaqui

Domingos de contação de história este mês

Jundiaqui
4 de janeiro de 2020
É no Ssec Jundiaí e gratuito, sempre a partir das 11 horas na biblioteca: é só chegar e curtir junto com Sergio Serrano

Dia 5/1 - "MOMOTARO, O MENINO PÊSSEGO"

A história do menino que foi encontrado dentro de um pêssego gigante por um casal de idosos, a quem chamaram Momotaro: momo significa pêssego e taro menino ou filho mais velho. Ele cresceu, tornou-se grande e forte, mas, era dorminhoco e preguiçoso.

Dia 12/1 - "ISSUM BOSHI"

O pequeno Issum Boshi nasceu menor que um polegar, mas, apesar de seu tamanho, ainda jovem decidiu deixar sua aldeia natal para se tornar um samurai. Por ser pequeno e gracioso acabou se tornando o ajudante da princesa. Um dia a princesa é ameaçada por um terrível Oní e Issum Boshi tem a oportunidade de testar suas habilidades de samurai.

Dia 19/1 - "O BUDA E BALEIA"

Esta é uma história que fala sobre grandeza e sabedoria. De forma divertida, Kisucosan conta as aventuras da Grande Baleia Azul, figura vaidosa e arrogante que viaja ao encontro do Grande Buda de Bronze de Kamakura, para confrontá-lo e ver quem é maior. Com música ao vivo ao som de shamisen (banjo japonês) e canções tradicionais e outras nem tanto...

Dia 26/1 - A RAPOSA E O SAMURAI

Esta é uma tradicional história budista. No Japão, a raposa é conhecida como a mestra da ilusão. Certa vez, ela se disfarçou de barbeiro e deixou carecas todos os samurais de uma aldeia, que humilhação! Porém, um outro samurai que se achava muito esperto, resolveu capturar a raposa e então?!

 

 
Jundiaqui
Você vai
gostar de

Kamila Martin no Maxi Shopping Jundiaí nesta terça

Ela faz show voz e violão no happy hour a partir das 19 horas. É de graça

Morre Eloísa Mafalda, a jundiaiense mais famosa da história da TV

Ela foi Dona Pombinha e fez mais outros 40 personagens em novelas. Tinha 93 anos

REDE DE INTRIGAS

Por Diógenes Augusto Archanjo da Silva, o Dr. Didi

Na seleção da Islândia uma jundiaiense é a numero 1 dos estudos

Beatriz Ladeira tem 15 anos e venceu uma disputa nacional em matemática, história e, acreditem, no idioma nórdico que vem desde a época dos vikin [ ... ]
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.