Jundiaqui
Jundiaqui

Cica nasceu 80 anos atrás

Jundiaqui
14 de outubro de 2021
É de 1941 o surgimento da marca que ficou famosa com o elefantinho

A Cica - Companhia Industrial de Conservas Alimentícias teve sua primeira fábrica inaugurada em Jundiaí em 1941 e chegou a se tornar a maior marca de conservas alimentícias da América Latina nos anos 90. O Extrato de Tomate Elefante foi famoso por conta da qualidade e do personagem Jotalhão que apresentava em sua embalagem.

Ela nasceu da associação das famílias Bonfiglioli, Messina, Guerrazzi e Guzzo. A escolha por Jundiaí teve forte influencia dos Rappa, o pai Sperandio e o filho Mário.

O terreno era de Attilio Vianello e as obras foram iniciadas em 1939 sob a responsabilidade de Giacomo Venchiarutti, pai de Vasco, que se tornaria prefeito da cidade nos anos 50.

A fábrica começou com produção exclusiva de extrato de tomate, mas logo em 1942 já diversificava os produtos, incluindo frutas em conserva, geléias e azeitonas. Em 1991 atingiu 167 mil m² de área construída com as ramificações Cicasul, Cicanorte, Cicatrade e até Cica Argentina. A fábrica foi transferida daqui para Rio Verde, em Goiás, em 1998. A Cica acabou vendida para o grupo Gessy Lever.

Nos últimos anos, os prédios foram remodelados e passaram a ser ocupados por diferentes tipos de negócios, como Telha Norte, Casa do Marceneiro, Mobly, Giga e outros. Do original restam a casa que foi dos Bonfiglioli e a torre, que voltou a ser iluminada desde o Natal de 2019.

O bairro segue como o Jardim Cica, onde há uma das lojas da Coopercica, cooperativa de consumo criada por funcionários da empresa há mais de meio século.

Jundiaqui
Você vai
gostar de

Major Olimpio: senador mais votado de Jundiaí morre de Covid-19

Eleito por São Paulo pelo PSL, então partido de Bolsonaro, ele tinha 58 anos

Domino’s: pizza preferida dos americanos agora no Beco Fino

Tem de brotinho a gigante em 26 sabores e três opções de massas. A entrega é em até meia hora dentro de Jundiaí

Grêmio tem Apoteose do Refogado sexta e matinê terça

As duas festas vão ser na sede central, gratuitas aos sócios e com preços populares aos convidados

E não é que até queijo a Serra do Japi dá?

Ele é produzido em uma fazenda de Cabreúva e combina técnicas suíças e alemãs às nacionais
Jundiaqui
Artigos assinados não representam a opinião do site. Esse conteúdo é de responsabilidade exclusiva de seu autor.